TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Geral • 13 de julho de 2017 • 09h16

Rede feminina de combate ao câncer recebe prêmio do Nota Paraná

A Rede Feminina de Combate ao Câncer de União da Vitória, no Centro-Sul do Paraná, está entre os contemplados com os três maiores prêmios do sorteio de julho do programa Nota Paraná. A instituição sem fins lucrativos ganhou R$ 20 mil. O prêmio de R$ 30 mil saiu para Thiago Fernando de Azevedo, de Curitiba, e o maior, de R$ 50 mil, Lilian Marlies Steures Moreira, de Ponta Grossa. 

Ao entregar os prêmios, nesta quarta-feira (12), o governador Beto Richa destacou o sucesso do programa. “O Nota Paraná superou as nossas expectativas com um grande número de consumidores que colocam o CPF na Nota. Com isso, eles têm uma substancial redução da carga tributária individual. Aém disso, o programa ajuda a combater a sonegação, a concorrência desleal, e contribui para aumentar a arrecadação do Estado, que na mesma medida pode melhorar os serviços prestados à população”, afirmou Richa. 

SALVAR VIDAS - A presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer, Giorgia Schwegler, recebeu o prêmio e afirmou que os recursos arrecadados com o programa ajudam a instituição a melhorar a qualidade de vida das pessoas que sofrem com a doença. “Com o dinheiro vamos comprar equipamentos, que vão ajudar a salvar vidas”, disse ela. 

CINCO MILHÕES - Com o sorteio de julho, o número de prêmios disponibilizados aos participantes do Nota Paraná chega a cinco milhões. Todos os meses são sorteados 250 mil prêmios entre os contribuintes que colocam o CPF nas notas fiscais de compra no varejo. O sorteio de julho (de número 20) pagou R$ 2,84 milhões. Neste mês foram liberados R$ 29,9 milhões em créditos, dos quais R$ 3,3 milhões destinados a instituições sem fins lucrativos. 

“Quase tive um infarto”, comentou a dona de casa Lilian Moreira, de Ponta Grossa. “Eu estava fora e meu filho me ligou para contar”, disse Lilian, que pede documento fiscal em todas as compras que faz. Agora, com o dinheiro extra, planeja fazer uma viagem em 2018. “Tinha acessado o site uma única vez, para realizar o cadastro no programa e nem sabia que tinha valores para resgatar. Quando olhei que havia um saldo de R$ 1.300 achei que esse era o meu prêmio. Quando soube que era R$ 50 mil, quase caí, sorte que eu estava sentada”. 

Outro que ficou surpreso com o prêmio foi Thiago Fernando de Azevedo, analista de operações de segurança do Ministério Público Estadual. “Comecei uma construção e me cadastrei no programa. Já ganhei prêmios menores, também”, conta ele, que foi sorteado com R$ 30 mil. “Quando me ligaram achei que era para comprar cartão de telefone ou alguma coisa assim. Depois olhei no site”, disse ele, que irá usar parte dos valores para pagar contas. 

14 MILHÕES - O Nota Paraná foi criado em 2015, como uma das medidas do ajuste fiscal realizado pelo Governo do Estado. 

O secretário estadual da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, afirmou que o programa se consolidou como um sucesso absoluto, chegando ao seu 20º sorteio e beneficiando mais de 14 milhões de pessoas, muitas de fora do Paraná, que já informaram o número do CPF na Nota. 

“Promovemos uma mudança cultural no Estado. Antigamente, as pessoas só solicitavam a nota fiscal quando mal atendidas nos estabelecimentos comerciais, como se isso fosse uma penalidade ao comerciante. Hoje esse hábito se incorporou na rotina do paranaense, trazendo benefício para todos”, disse. 

O Nota Paraná conta com 1,63 milhão de pessoas cadastradas e já disponibilizou R$ 573 milhões em prêmios e créditos. O placar está no site do programa (www.notaparana.pr.gov.br). 

AEN



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário