TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Ibiporã • 14 de novembro de 2017 • 16h22

I Feira do Microempreendedor Individual acontece nesta sexta e sábado

População poderá conhecer e adquirir produtos e serviços de microempreendedores individuais (MEIs) de Ibiporã. Evento acontece na Praça Pio XII

 

A Prefeitura Municipal de Ibiporã, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, em parceria com o Sebrae e a Fomento Paraná, promove nesta sexta (17) e sábado (18), na Praça Pio XII, a 1ª Feira do Microempreendedor Individual de Ibiporã (FEMEI). Haverá 16 estandes de microempreendedores de Ibiporã que comercializarão os mais diferentes produtos e serviços, tais como artesanato, material de construção, aquários, calçados, bolsas, moda infantil e íntima, ferramentas, acessórios para celular, além de sete expositores na área de alimentação (queijos, doces, pastéis, lanches, verdura). Também haverá apresentações artísticas e shows com duplas locais. A 1ª FEMEI integra o calendário de comemorações pelos 70 anos de emancipação política de Ibiporã.

 

Durante o evento também serão fornecidas informações sobre os serviços prestados pela Sala do Empreendedor, além da disponibilização de inscrições para cursos, oficinas e consultorias realizadas em parceria com o Sebrae e possibilidade de acesso a microcrédito fornecido pela Fomento Paraná para alavancar e favorecer o crescimento dos MEIs.

 

A Secretaria Municipal do Trabalho também prestará informações sobre o projeto “Ibiporã na Linha do Futuro”, voltado à geração de trabalho e renda na área da costura industrial.

 

Segundo o coordenador da Sala do Empreendedor, o agente de desenvolvimento Rony Baise, o objetivo da feira é divulgar e impulsionar os empreendimentos que apresentarão uma amostra dos seus produtos e serviços. “Esta é a primeira vez que Ibiporã realizará o evento, e buscaremos incluí-lo no calendário de eventos do município. É uma forma de incentivar o microempreendedor individual, fazê-lo crescer e se tornar conhecido no município por meio da divulgação comercial de seus produtos e serviços”, complementa Baise.

 

O governo municipal tem trabalhado para transformar a realidade dos microempreendedores de Ibiporã, por meio de ações que visam aprimorar a gestão, aumentar a qualidade, produtividade e competitividade dos empreendedores, através de oficinas, consultorias, palestras, atendimentos com consultores credenciados pelo Sebrae, curso “Bom Negócio Paraná”, em parceria com a Universidade Estadual de Londrina (UEL), e o programa de microcrédito Banco do Empreendedor, em parceria com o governo estadual e Fomento Paraná.

 

Conforme o Portal do Empreendedor, até agosto Ibiporã possuía 2.100 MEIs inscritos. Para ser um MEI é necessário faturar bruto até R$ 60.000,00 por ano, ou seja, média máxima de R$ 5.000,00 por mês, não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter no máximo um empregado contratado que receba o salário-mínimo ou o piso da categoria.

 

Ao se formalizar, o MEI passa a ter cobertura previdenciária para si e seus dependentes, com os seguintes benefícios: aposentadoria, auxílio doença e aposentadoria por invalidez, salário maternidade, pensão por morte e auxílio reclusão (para os dependentes).

 

A Sala do Empreendedor de Ibiporã localiza-se à Rua Getúlio Vargas, esquina com a Serafim Nunes Diniz, sala 4 (no Terminal Rodoviário). Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas (não fecha para almoço).

Caroline Vicentini/Asimp/PMI



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário