TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Educação • 20 de fevereiro de 2018 • 07h02

Alunos do Colégio da Polícia Militar de Londrina terão a primeira aula na segunda-feira

Colégio vai ganhar mini arena para a prática de esportes

Na segunda-feira (19), quando começa o ano letivo na rede estadual de ensino, será a primeira vez que os portões do antigo Colégio São José, no Jardim Leonor, serão abertos como Colégio da Policia Militar de Londrina.

Os 390 alunos são a primeira turma do  2º Colégio da Policia Militar do Paraná. Destes, 120 ingressaram por meio de concurso. Mais de duzentos- que já estudavam no local - tiveram a opção de continuar.  Das 120 vagas abertas por meio de concurso, metade seria destinada aos filhos de militares.  Como a procura foi menor,  estas vagas foram preenchidas por alunos que não são filhos de militares.

Entre os que 120 que entraram por meio do concurso, estão estudantes de Londrina e também de outras cidades. A maioria é de Londrina, mas há alunos de pelo menos oito cidades: Jaguariaíva (2 alunos) , Cornélio Procópio (3), Cambé (8), Ibiporã (2), Ibaiti (1), Uraí (1), Apucarana (1) e Curitiba (1).  Os novos alunos terão aulas com 25 professores da rede estadual de ensino. A gestão do colégio é da Polícia Militar.

 “Trazer o Colégio da Polícia Militar foi bom para Londrina e região que têm, a partir de agora, uma opção com reconhecida qualidade de ensino que até então só existia em Curitiba”, comentou o deputado Tiago Amaral (PSB) que articulou a vinda do CPM com o governo do estado e o comando da PM, assim como a liberação de recursos para a reforma.

Mini arena e modernização do sistema de informática – Uma novidade será a instalação de uma mini arena, segundo Tiago Amaral, que solicitou ao governo a estrutura para a prática de esportes dos alunos, composta por alambrados, arquibancadas, gramado sintético, iluminação e vestiários, substituindo a antiga quadra do colégio.

Segundo Tiago Amaral, o CPM também será incluído no programa Escola Conectada. O novo programa do governo do Paraná vai entregar notebooks, computadores, projetor multimídia, impressora e pontos de rede wifi para modernizar as escolas. A quantidade de equipamentos depende do número de alunos. Escolas com até 6 salas terão R$ 149.819,14 – o menor valor previsto - até R$ 422.314,65 para escolas com mais de 30 salas.

Neste primeiro ano de funcionamento do Colégio da Polícia Militar de Londrina serão 8 turmas do ensino fundamental à tarde e 5 turmas do ensino médio pela manhã.

Reforma

Na fachada a placa da obra no muro avisa que o local é o 2º Colégio da Policia Militar do Paraná. Outra mudança está no vaivém da equipe que trabalha para dar cara nova ao antigo prédio. Cerca de R$ 700 mil foram disponibilizados pelo governo do estado para reparos no telhado, forro e luminárias; reforma do piso, das instalações elétricas e quadras poliesportivas, pintura, adequação das calçadas e drenagem. As melhorias estão em andamento e as turmas vão ocupar as salas da parte do prédio que está pronta.

Rosi Guilhen/Asimp



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário