Crawler Detect

Urna Eleitoral digital vira método de aprendizado para formação de futuros cidadãos
TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Educação • 17 de abril de 2018 • 14h15

Urna Eleitoral digital vira método de aprendizado para formação de futuros cidadãos

Alunos da Educação Infantil realizaram uma votação utilizando a tecnologia para a escolha do “Nome da Turma”.  Essa dinâmica é realizada todos os anos para promover a interação dos estudantes do Colégio Marista de Londrina e ensinar as crianças na prática sobre sua função como cidadão atuante na sociedade.

 

A tecnologia usada pelos alunos, foi realizada através de um site que proporcionou a realização da dinâmica nessa eleição. A ideia foi da Analista Educacional e do Técnico de Audiovisual do Colégio Marista de Londrina, para que os alunos vivenciem essa atitude cidadã de forma prática e entendam desde cedo a importância desse ato.

 

“Nossas crianças participam da sequência didática “Nome de Turma” há algum tempo e uma das atividades realizadas é a discussão sobre como poderiam definir, entre os nomes sugeridos, aquele que melhor representaria a turma. Nesse sentido, sempre há uma argumentação sobre as formas de registro de votação que usualmente a comunidade extraescolar utiliza e, pelo fato de muitos dos nossos alunos frequentarem as zonas eleitorais com seus pais, houve, previamente, a menção/reflexão sobre a urna eletrônica. De tal forma, as crianças foram para a realização desses registros munidas desse conhecimento, o que favoreceu a compreensão do proposto”, conta a Analista Educacional do Colégio, Alessandra Simone Martins.

 

Em trabalhos dinâmicos como esses, o Colégio sempre visa mostrar a importância dos avanços tecnológicos dentro das salas de aulas. O Marista sempre visa inserir o mundo digital nas grades acadêmicas e direcionar de forma positiva essa nova e grande forma de aprendizado.

 

“Ao utilizar a urna eletrônica como instrumento para registro do seu voto, as crianças não só tiveram acesso à tecnologia, no sentido de suas potencialidades para a execução da proposta, como também refletiram sobre a forma atual de registro de votos no contexto atual brasileiro. Nesse sentido, foi um importante instrumento para o letramento digital”, conclui Alessandra.

 

É significativo que os futuros cidadãos estejam engajados sobre esse tema. Estamos em um ano de eleição e fazer com que o aluno entenda desde cedo a importância do seu voto, como ele deve ser feito e a diferença que ele faz na hora de obter os resultados, é essencial.

Asimp/Colégio Marista de Londrina



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário