TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Geral • 15 de maio de 2018 • 08h15

Selo atesta qualidade no atendimento para Salas do Empreendedor

Reconhecimento nas categorias Ouro, Prata e Bronze foi concedido a 71 Salas, por bons índices em atendimento

 

Pela primeira vez, o Sebrae/PR concedeu o Selo de Referência em Atendimento a 71 Salas do Empreendedor, durante encontro realizado na última quarta-feira (9), no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba. O objetivo do Selo é reconhecer a rede de parceiros pelo desempenho no atendimento aos microempreendedores individuais (MEIs), na promoção da sustentabilidade e competividade dos negócios. Das 165 Salas do Empreendedor no Paraná, 113 aderiram ao processo para obtenção do Selo e 71 alcançaram pontuação mínima para receber a chancela.

De acordo com Julio Cezar Agostini, diretor-executivo do Sebrae/PR, a partir de 2014, houve um aumento expressivo no número de Salas do Empreendedor, que passaram a seguir padrões para melhorar o atendimento ao público. “Naquele ano, existiam dez salas; hoje, são 165, todas preparadas para orientar o empreendedor.

 

As Salas estão em todo o Paraná e são estratégicas para levar informações e capacitação para os municípios e territórios. A parceria do Sebrae/PR com as prefeituras possibilita um atendimento diferenciado ao nosso cliente”, avalia.

Segundo Carla Selva, coordenadora estadual das Salas do Empreendedor do Sebrae/PR, três critérios foram avaliados para a obtenção do Selo: produtos oferecidos, gestão e atendimento ao cliente. “Porém, o de maior peso foi em relação ao atendimento. Para ele, utilizamos duas ferramentas de análise: uma pesquisa de satisfação diretamente com o cliente atendido e a contratação de cliente oculto. O Selo vem para reconhecer o trabalho das Salas e estimular a melhoria dos serviços prestados ano a ano”, explica.

 

A premiação aconteceu durante o evento “We Inspiramos, Podemos, Transformamos” e reuniu cerca de 350 pessoas no MON. Os presentes fizeram uma visita guiada ao Museu e participaram de painéis, workshops e dinâmicas sobre macrotendências, comportamento humano, transformação digital, novos modelos de negócios, além de atividades lúdicas com o humorista Marcelo Marrom.

 

Premiação

 

As Salas do Empreendedor que obtiveram entre 75 e 80 pontos receberam o Selo Bronze; de 81 a 90, o Prata; e acima de 91, o Selo Ouro. Na categoria Ouro, foram reconhecidas as Salas do Empreendedor de Guaíra, Itaipulândia, Jandaia do Sul, Quedas Do Iguaçu, Entre Rios Do Oeste, Assis Chateaubriand, Realeza e Mercedes.

Para Suceli Revelini Varea, atendente e agente de Desenvolvimento Local da Sala do Empreendedor de Jandaia do Sul, no norte do Estado, ganhadora do Ouro, o grande diferencial para a obtenção do Selo foi o atendimento personalizado e humanizado. “Desde a formalização, até o crescimento desse empresário, identificamos todas as suas necessidades. Em dez meses, formalizamos 120 microempreendedores individuais (MEIs), em uma cidade de 20 mil habitantes”, comemora.

 

Já Jeferson Galarça dos Santos, agente de Guaíra, no oeste do Paraná, atribui a obtenção do Ouro ao empenho diário, além de promoção de eventos e palestras ao público. “Nossa principal meta não era somente atender mais, mas atender melhor. No ano passado, foram cerca de 10 mil atendimentos e 185 MEIs formalizados. Pretendemos seguir com o Ouro em 2018, já que, somente no primeiro quadrimestre, já formalizamos 75 microempreendedores individuais”, aposta.

Angélica Vieira Costa, agente de Realeza, no sudoeste do Estado, conta que a obtenção do Ouro é resultado de um trabalho de mais de dois anos, voltado a atender o público de forma humanizada e igualitária. “Em uma cidade de 18 mil habitantes, conseguimos formalizar mais de 750 MEIs. O Selo Ouro é o reconhecimento desse trabalho. O empreendedorismo é um transformador de vidas”, afirma, emocionada.

 

O prefeito de Assis Chateaubriand, João Pegoraro, esteve presente para o recebimento do Selo na categoria Ouro da Sala do Empreendedor do Município e falou sobre a importância da chancela para a cidade. “As soluções do Sebrae para os empreendedores têm contribuído muito para o desenvolvimento econômico e social de Assis Chateaubriand”, acredita.

 

Na categoria Bronze, foram reconhecidas as Salas do Empreendedor de Apucarana, Paraíso do Norte, Jacarezinho, Pinhais, São Jorge do Oeste, Terra Roxa, São Mateus do Sul, Cambará, Pontal do Paraná, Alto Paraná, Quatro Pontes, Paranavaí, Marechal Cândido Rondon, Araucária, Pérola do Oeste, Laranjeiras do Sul, Cambé, Curitiba,  Fazendinha, Goioerê, Londrina, Palotina, Rolândia, União da Vitória, Pitanga, Umuarama, Reserva do Iguaçu, Palmeira e Piraquara.

 

Na Prata, receberam o Selo as Salas do Empreendedor de Pranchita, Candói, Foz do Iguaçu, Santa Helena, Ribeirão Claro, Tupãssi, Bandeirantes, Matinhos, Pato Bragado, Pato Branco, Icaraíma, Corbélia, Mangueirinha, Planalto, Wenceslau Braz, Campo Mourão, Bituruna, Pérola, Tijucas do Sul, Araruna, Cruzeiro do Oeste, Marialva, Maripá, Matelândia, Cascavel, São Miguel do Iguaçu, Missal, Siqueira Campos, Nova Tebas, São João do Ivaí, Ibiporã, Cafelândia, Paranaguá e São José dos Pinhais.

Adriano Oltramari/Asimp



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário