Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou a informação repassada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sobre a aprovação, pelas autoridades do Egito, para a importação de produtos termoprocessados de aves produzidas no Brasil.

A autorização é válida para as 40 plantas exportadoras de aves que estão habilitadas para o mercado egípcio que, atualmente, já embarcam frango inteiro.

De acordo com o presidente da ABPA, Francisco Turra, logo após a autorização, diversas licenças para embarques já foram emitidas, em um total que já supera 1,5 mil toneladas.

“A forte procura pelo produto brasileiro indica uma demanda que até então estava reprimida e que agora deverá incrementar a expressiva participação do mercado egípcio entre os principais importadores de produtos avícolas halal do Brasil.  É mais uma importante conquista da Ministra Tereza Cristina e de sua equipe para o setor produtivo do país”, analisa.

Décimo quarto principal importador de carne de frango do Brasil, o Egito importou 39,1 mil toneladas entre janeiro e junho deste ano, volume que supera em 27% o total embarcado no primeiro semestre de 2019.

Paulo Cezar Abrahão Prates/Asimp/ABPA.

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.