Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou a informação repassada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sobre a aprovação, pelas autoridades do Egito, para a importação de produtos termoprocessados de aves produzidas no Brasil.

A autorização é válida para as 40 plantas exportadoras de aves que estão habilitadas para o mercado egípcio que, atualmente, já embarcam frango inteiro.

De acordo com o presidente da ABPA, Francisco Turra, logo após a autorização, diversas licenças para embarques já foram emitidas, em um total que já supera 1,5 mil toneladas.

“A forte procura pelo produto brasileiro indica uma demanda que até então estava reprimida e que agora deverá incrementar a expressiva participação do mercado egípcio entre os principais importadores de produtos avícolas halal do Brasil.  É mais uma importante conquista da Ministra Tereza Cristina e de sua equipe para o setor produtivo do país”, analisa.

Décimo quarto principal importador de carne de frango do Brasil, o Egito importou 39,1 mil toneladas entre janeiro e junho deste ano, volume que supera em 27% o total embarcado no primeiro semestre de 2019.

Paulo Cezar Abrahão Prates/Asimp/ABPA.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios