Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

Principal parceira comercial das exportações brasileiras de proteína animal, a China será palco de um dos mais importantes eventos para o planejamento das exportações, a China InternationalImport Expo (CIIE), que será promovida pelo governo chinês até 10 de novembro, em Xangai. A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), marcará presença com empresas brasileiras para fomentar novas oportunidades de negócios.

Com espaço exclusivo dentro do pavilhão brasileiro da Apex-Brasil, a ABPA levará aos visitantes informações sobre as medidas tomadas pelo setor durante a pandemia, os cuidados entre a produção e o meio ambiente e, ainda, informações sobre a qualidade e o sabor dos produtos brasileiros, tudo por meio da plataforma digital “BrazilianPoultryandPork”, atendendo ao novo formato exigido pelos protocolos de saúde e de distanciamento.

“Estar presente na CIIE China é uma oportunidade para reforçar os laços com o Governo Chinês e realizar contatos com importadores, em um momento favorável para o incremento dos negócios entre brasileiros e chineses”, ressalta Ricardo Santin, presidente da ABPA.

Líder das exportações brasileiras de carne suína e de frango, a China é a principal promotora das exportações setoriais em 2020. Foi destino de 376,7 mil toneladas de carne suína entre janeiro e setembro deste ano, com receita de US$ 914,3 milhões. Para a carne de frango brasileira, os embarques totalizaram 514,1 mil toneladas no mesmo período, o que gerou receita de US$ 984,1 milhões.

Paulo Cezar Abrahão Prates/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios