Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

País investe na diversificação de produtos ofertados para o mercado internacional; novo leque vai exportar de castanhas ao gergelim

Desde janeiro de 2019, o Brasil alcançou 60 mercados para exportação de produtos agropecuários. Na última semana, a ministra da Agricultura, da Pecuária e do Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, anunciou que o país vai exportar produtos derivados do leite para a Tailândia.

Segundo Tereza Cristina, o Brasil optou por abrir novos mercados e diversificar a oferta de produtos para além da tradição em exportar soja, milho, carnes e cana-de-açúcar. Entre os produtos que fazem parte da nova pauta de exportação nacional estão a castanha do baru para a Coreia do Sul, o melão (China), gergelim (para Índia), castanha-do-Pará para Arábia Saudita.

A ministra garantiu que a prioridade é garantir o abastecimento interno e que não há risco de a diversificação de produtos exportados gere falta de alimento no mercado brasileiro.

Felipe Moura/Agência do Rádio

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.