Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Produtos fazem parte da Política de Garantia de Preços Mínimos, ferramenta é para diminuir oscilações na renda dos produtores e assegurar uma remuneração mínima

A partir de julho deste ano, os preços mínimos para laranja in natura, o trigo em grão e semente de trigo sofrerão reajustes. O novo valor da caixa de 40,8 kg da laranja in natura na safra 2021/2022 é de R$ 17,76, alta de 14,36%. 

O trigo em grão e a semente de trigo tiveram um reajuste de 11,04%, para o período de julho deste ano até junho de 2022. O trigo em grão, pão tipo 1, ficou estabelecido em R$ 48,18/sc 60 kg, para a Região Sul (Para as demais classes e tipos do trigo  e  demais regiões do Brasil, será corrigido pela  variação de 11,04%).

E a semente de trigo, em R$ 1,98 (unidade), válido para os estados da região Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

A decisão consta da Portaria Nº 47, publicada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) no Diário Oficial da União de ontem (11). A medida foi discutida na última reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN), na semana passada.

Esses produtos fazem parte da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM), que é uma importante ferramenta para diminuir oscilações na renda dos produtores rurais e assegurar uma remuneração mínima, atuando como balizadora da oferta de alimentos, incentivando ou desestimulando a produção e garantindo a regularidade do abastecimento nacional. 

Asimp/Mapa

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.