Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar-Pronaf foi a fonte de 74,3% (396 mil pessoas) dos financiamentos para produção agrícola em 2014. Sendo a Região Sul o local que mais recebeu financiamento de algum programa de crédito para a produção (27,3%), no período de um ano em atividade agrícola.

As informações fazem parte do suplemento Acesso ao Cadastro Único e a Programas de Inclusão Produtiva, da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2014, divulgada, nesta quarta-feira (6), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em 2014, havia 4,2 milhões de pessoas de 16 anos ou mais de idade ocupadas na semana de referência como conta própria ou empregadoras sem empregados permanentes ou com até cinco desses em atividade agrícola, exceto serviços auxiliares dessa atividade.

Desse total, 533 mil pessoas, receberam financiamento de algum programa de crédito para a produção do trabalho principal, no período de 365 dias. O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) financiou 396 mil pessoas, representando 9,5% do total de 4,2 milhões ou 74,3% do contingente populacional que recebeu financiamento.

Informações AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios