Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O produtor tem direito ao bônus quando o valor de mercado de algum produto do programa fica abaixo do preço de referência

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou ontem (9) a relação dos produtos agrícolas com bônus de desconto no pagamento das parcelas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

A lista com os produtos e os estados contemplados pelo Programa de Garantia de Preços para Agricultura Familiar (PGPAF) vale para o período de 10 de junho a 9 de julho deste ano, conforme a Portaria Nº 24, da Secretaria de Política Agrícola.

Os produtos com bônus de desconto nas operações e parcelas de crédito rural são: açaí (fruto), banana, cará/inhame, castanha de caju, manga e maracujá. Os estados que integram a lista deste mês são: Acre, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Santa Catarina e Sergipe.

O recebimento de bônus do PGPAF ocorre quando o valor de mercado de algum dos produtos do programa fica abaixo do preço de referência, permitindo ao produtor utilizar o valor como desconto no pagamento ou amortização nas parcelas de financiamento do Pronaf.

Os descontos de todos os cultivos são calculados mensalmente pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a partir de pesquisas sistemáticas dos preços de mercado em todas as unidades da Federação - com base em metodologia própria -, registrados no banco de dados das séries históricas de preços. Após o cálculo, são divulgados pelo Mapa.

Para mais informações entre em contato com a equipe técnica pelos endereços eletrônicos: pgpaf.spa@agricultura.gov.br ou pronaf.spa@agricultura.gov.br. 

Inez De Podestà/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.