Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O plantio do milho segunda safra se encaminha para a finalização no estado do Paraná. O bom preço do cereal praticado no mercado impulsiona os produtores. A expectativa é que a área destinada ao grão chegue a 2,39 milhões de hectares na safra 2020/21, o que representa um aumento de 4,8% em relação ao período anterior, como mostra o 7º Levantamento da Safra de Grãos, divulgado na quinta-feira (8) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

De acordo com os técnicos da Companhia, as lavouras de milho estão nos estádios de emergência e desenvolvimento vegetativo e mais de 90% delas são consideradas em boas condições, pois as chuvas registradas no período permitiram um bom desenvolvimento inicial, bem como a realização dos tratos culturais. A estimativa é que a produção na segunda safra seja de 13,48 milhões de toneladas. Já a colheita do cereal plantado na primeira safra está próxima a 3 milhões de toneladas, o que representa cerca de 94% da área cultivada.

O preço do feijão também incentiva o aumento da área de cultivo da leguminosa na segunda safra. No total é esperada uma elevação de 13% na área, podendo chegar a 250,9 mil hectares, sendo 133,7 para o preto e 117,2 para o tipo cores. A produção poderá chegar a 494,6 mil toneladas, crescimento de mais de 90% se comparada com a safra 2019/2020. Os produtores da leguminosa da variante preta poderão colher mais que o dobro do estimado na safra anterior, superando as 256 mil toneladas. Já a produção do feijão tipo cores tende a ser de 237,9 mil toneladas.

Outro produto de destaque é a soja. Para a oleaginosa a expectativa é de uma produção de 20,18 milhões de toneladas. A colheita do grão chega a 88% da área plantada e deverá ser concluída ainda neste mês. Cerca de 50% da safra já está comercializada.

Outras informações sobre a safra de grãos no estado paranaense e nas demais regiões do país podem ser acessadas no documento disponível no site da Companhia.

Asimp/Conab

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios