Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

As principais culturas amparadas foram soja, milho, maçã, trigo e uva

O balanço da execução do Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR) executado em 2018, disponível no portal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, revela pagamento de mais de R$ 1 bilhão, em indenizações, até agora, por perdas somente na soja. Mas houve frustração de safra também em arroz, milho e café, dentre outras atividades.”

O valor da subvenção de R$ 370,9 milhões do governo federal permitiu segurar R$ 12,6 bilhões, a 42 mil produtores e 4,7 milhões de hectares.

O diretor de Gestão de Risco da Secretaria de Política Agrícola do Mapa, Pedro Loyola, avalia que “o apoio dado pelo programa na contratação de 63,5 mil apólices possibilitou a manutenção de renda a produtores que tiveram frustração de safra por problemas climáticos.

Um dos indicadores utilizados para medir a eficiência do programa é definido pelo quociente entre a importância segurada e subvenção federal. “Em 2018, cada real investido em subvenção resultou, em média, em importância segurada de R$ 33,82. As culturas que receberam maior aporte de recursos da subvenção foram a soja, com 42,5% (R$ 157 milhões), milho 2ª safra (22,3% ou R$ 82,62 milhões), maçã (9%; R$ 33,39 milhões), trigo (7,5%; R$ 27,85 milhões) e uva (6,9%; R$ 25,54 milhões).

No relatório do PSR 2018 (colocar link http://www.agricultura.gov.br/assuntos/riscos-seguro/seguro-rural/documentos-seguro-rural/relatorio-geral-psr-2018-v2.pdf ), divulgado pela Secretaria de Política Agrícola na quarta-feira (27), há informações detalhadas por estado, município e atividade segurada.

As informações sobre o PSR estão disponíveis no Atlas do Seguro Rural (colocar link http://indicadores.agricultura.gov.br/atlasdoseguro/index.htm ), ferramenta online para a realização de consultas personalizadas pelo próprio usuário. No Atlas é possível consultar as informações do programa desde o ano de 2006, utilizando diferentes parâmetros (ano, estado, município, atividade, seguradora, entre outros).

Diferentemente do Relatório Estatístico, que apresenta o resultado final consolidado de cada ano civil, o Atlas apresenta dados que são atualizados diariamente, considerando assim eventuais cancelamentos e endossos realizados pelas seguradoras nas apólices de seguro rural subvencionadas. Os pagamentos de seguros contratados na atual safra continuam sendo realizados ao longo do semestre em curso.

Inez De Podestà/Asimp
 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios