Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Esse grande alarde em relação à pandemia não é gratuito, um alarmante crescimento mundial em pouco tempo causa uma impactante mudança em vários aspectos da vida das pessoas. Mas existe algo de bom em tudo isso? Sim, a verdade é que essa pandemia, além de nos mostrar um mundo sob outra visão, tem revelado particularmente duas categorias de heróis: uma pela presença e outra pela ausência. Vou me limitar a dois casos, pois há muito tempo esses heróis andavam esquecidos e inaudíveis quanto os seus “ais”. São eles: os profissionais da saúde e os profissionais da educação. 

No primeiro caso, a presença no ambiente de trabalho com o intuito de salvar vidas arriscando a própria, tem sido um grande motivo de comoção mundial. Estão recebendo aplausos merecidos por esse ato – aproveito este momento para parabenizá-los. No segundo caso, os professores, pela sua ausência, pois, como estão diariamente na linha de frente da educação das nossas crianças e jovens (sendo que esse trabalho tem sido degustado, momentaneamente pelos pais), a família está criando uma maior conscientização em relação à importância desse profissional, cada dificuldade enfrentada por ele e o grande valor agregado para realizar esse trabalho. Também não deixo de parabenizá-los por exercerem as suas missões.

Esse novo cenário começa a derrubar, lentamente, velhos “heróis” que, muitas vezes fabricados e confeccionados, vinham ocupando espaço e criando uma distorção do que realmente importa para gerarmos uma sociedade plena e de convívio harmonioso, principalmente no que se refere às crianças e jovens. Toda mudança é desconfortável e, muitas vezes, experimentamos sensações nunca antes vividas. Estamos aprendendo pela dor – e que essa sirva para mudarmos nossa mentalidade, nossas referências de quem são os nossos verdadeiros heróis. Espero, profundamente, espero por esse amor.

Fabio Carneiro é professor de Física no Curso Positivo, em Curitiba (PR).

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios