Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Canal 1 (segunda-feira – 22/10/2018)

       Por:               Flávio Ricco

       Colaboração:   José Carlos Nery

(Abertura)

Cerca de 1.500 municípios já têm digital. Mas ainda falta mais da metade

A Seja Digital, empresa criada entre outros fins para distribuir os kits gratuitos do sinal digital, vai encerrar o  atual exercício com o caixa no azul, cerca de um bilhão de reais.

Este valor é uma parte importante do leilão da faixa de 700 MHz, banda larga, que totalizou algo próximo de R$ 3,7 bi. Cerca de R$ 400 mi serão destinados para possíveis correções do processo nos cerca de 1.500 municípios aptos para recepção do sinal digital. Restam ainda 3.500.

Ainda não há uma definição sobre a destinação dos R$ 600 mi restantes.

O que existe é uma proposta da Associação das Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT) e Associação Brasileira de Rádio e Televisão (ABRATEL) para que este dinheiro continue sendo utilizado na distribuição dos kits e na digitalização em centenas de municípios em 2019/2020, se possível através de um sistema de compartilhamento com a participação de prefeituras.

São muitos os casos das próprias cidades administrarem o uso das torres de transmissão. Caberá ao Grupo de Implantação do Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais de TV e RTV, o GIRED, uma definição sobre o assunto. Todo processo será concluído até 2023.

TV Tudo

Novos tempos

Hoje, acompanhando os vários bordões em cartaz nas transmissões esportivas da Globo, é impossível não lembrar os tantos comunicados do Boni, enquadrando no rigor da bronca todos os que saiam da linha.

Eram páginas e páginas determinando uma melhor linha de conduta.

Exemplo

Entre alguns casos num determinado dia, o narrador Luís Alfredo cometeu o atrevimento de usar uma gíria da ocasião, “dois palitos”, para informar que o intervalo seria muito rápido.

Por pouco, mas por muito pouco mesmo, ele não voltou para o segundo tempo. O falecido Marquinhos Mora, na coordenação, quase teve um filho.

Só uma observação

É indiscutível a qualidade do GloboNews. Informação o dia inteiro, com a melhor análise de tudo que está acontecendo. Um time de primeira.

O problema é que alguns dos seus comentaristas, repetidos com insistência em programas seguidos, têm extrapolado nas mesmas e demoradas análises que já fizeram.  Ainda que se considere o público rotativo, está havendo um certo exagero.

E outra

Dia desses, no “Em Pauta”, o bom Gerson Camarotti analisou por mais de 12 minutos os resultados de uma pesquisa presidencial.

E a tela ali, dividida em três, com a correspondente de Nova York, por exemplo, só olhando. Levanta a mão quem aguenta alguém falando direto, por mais de 10 minutos.

Justiça

Fernanda Machado faz a delegada Andreia em “Impuros”, série sobre narcotráficos em cartaz no canal Fox Premium.

Ela estava afastada da televisão desde a novela “Amor à Vida”, de 2013. 

(Crédito Divulgação)

Arquivado - 1

A TV Gazeta-SP fez as pazes com o SBT, depois do mal-estar provocado pela saída de Mamma Bruschetta e Leão Lobo para a “Fofocalizando”.

Ronnie Von, inclusive, já tem autorização para participar do “Teleton”.

Arquivado - 2

A Band e o SBT também estão num outro momento. Toda a bronca que existia, ainda por causa da saída do Danilo Gentili, já foi devidamente arquivada.

A presença do Milton Neves para o “Teleton” já foi autorizada. Neste 2018, parece, todas as TVs abertas estarão representadas.

No páreo

A Record está para definir o novo chefe de redação do “Jornal da Record”, aquele que irá substituir Luciana Barcellos, que deixou o cargo na semana passada.

Os nomes cotados são André Ramos, do Rio; Virgílio Abranches, do “Domingo Show”; João Beltrão, de Brasília, e André Basbaum.   

Bem na fita

Lucilene Caetano está vivendo um bom momento na Band. À frente de dois telejornais do BandSports e participações nos programas “Baita Amigos” e “KO Arena”, ela também está de stand by no “Jornal da Band”.

Teve um desempenho bem elogiado nos pilotos gravados.

(Crédito: Roni Sanches)

Papel da Nany

A participação de Nany People, em “O Sétimo Guardião”, na Globo, vai começar no capítulo 30.

Entra como alguém que, no passado e ainda como homem,  trabalhou com Valentina Marsalla (Lília Cabral). Mas que ao chegar em Serro Azul, e já como uma transexual, toda produzida, exige ser chamada de Marcos Paulo.     

Bate – Rebate

  • A “Malhação” de Emanuel Jacobina, “Toda Maneira de Amar”, já está com sua escalação de elenco bem encaminhada...
  • ... Faltam alguns poucos e pequenos papéis.
  • A TV Aparecida estreia dia 31, às 21h45, o “Aparecida Debate” com apresentação de Marcelo Zanini...
  • ... O programa vem com a proposta de discutir assuntos ligados à vida da sociedade...
  • ... Cada temporada será dividida em 12 programas, cujo formato terá sempre a participação de dois especialistas para temas sobre política, economia, educação, questões sociais e comportamento.
  • Carol Duarte, sucesso em “A Força do Querer”, estará em “O Sétimo Guardião” - uma prostituta gaga que se envolve com Paulo Vilhena...
  • ... Mas Stefânia, personagem da atriz, não ficará só nisso...
  • ... Ela ainda terá todo um lado misterioso que só será revelado no decorrer da novela.
  • A nova temporada da série “Detetives do Prédio Azul” no Gloob, estreia no dia 5 de novembro...
  • ... O “D.P.A.”  é considerado um dos maiores sucessos da programação infantil na TV paga.

C´est fini

Ainda não está batido o martelo, mas é muito grande o desejo de Marcelo de Carvalho apresentar um terceiro programa na Rede TV!.

Que poderá vir a ser o seu terceiro game show, em linhas parecidas aos já existentes, “Mega Senha” e “O Céu é o Limite”, com plateia e distribuição de prêmios.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Essa coluna é patrocinada por :

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios