Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Por indicação do deputado estadual Cobra Repórter (PSC), o Colégio Estadual 11 de Outubro, localizado no jardim Novo Bandeirantes de Cambé, vai passar por reformas. Há cerca de um ano, todo um bloco que inclui biblioteca, salas de informática e de apoio, está interditado por problemas na laje, prejudicando o aprendizado dos 1.200 alunos da escola.

A reforma, orçada em R$ 150 mil, será licitada pela Secretaria Estadual de Educação. De acordo com o deputado estadual Cobra Repórter, o pedido para que esse colégio fosse beneficiado, se deu por conta da sua necessidade. “Os alunos estão sendo prejudicados, pois não podem ter acesso à biblioteca para pesquisa, não estão tendo aula de informática e os professores não podem usar a sala de apoio. A reforma precisa ser feita com urgência”, destacou o deputado.

Ele reforçou ainda que a secretaria estadual de Educação já disponibilizou a verba e que irá solicitar que a licitação seja encaminhada rapidamente, devido à situação da unidade, que atende alunos do ensino fundamental II e médio.

A diretora Samantha Karen de Freitas espera conta com a reforma, pois mais prejudicados são os alunos. “Temos o projeto Mais Educação aqui, mas os alunos não podem ter aula de informática, pois o laboratório está interditado. Além disso, o colégio também precisa de outras reformas na cozinha e no muro”, destacou.

Meire Bicudo/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios