Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Prefeitura de Cambé, através da Secretaria de Obras e da Companhia de Desenvolvimento de Cambé (Comdec), já realizou 228.167,41 mil m² de recapeamento em micro-revestimento nas vias da cidade, de janeiro até setembro de 2021. Segundo informações da Secretaria de Obras, esse material é utilizado em vias de tráfego mais leve e que estão com a base em boas condições. Neste mês de outubro, as vias do Jardim Imperatriz, do Jardim Cidade Verde e do Jardim São João foram recapeadas com o micro-revestimento, totalizando mais de 24 mil m² de vias, que vão entrar no próximo balanço feito pela Comdec.

De janeiro até setembro deste ano também foram feitos 5.892,05 m² de recapeamento asfáltico em CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), mais conhecido como tapa buraco. Esse material é utilizado em vias de tráfego mais pesado, como avenidas, ou que apresentam imperfeições. Segundo Manoel Cícero dos Santos, secretário de Obras do município, essas melhorias garantem uma vida útil maior às vias. “Além disso, melhoram o tráfego, pois eram locais que já necessitavam de manutenção”, ressalta. Algumas das vias que foram recapeadas em CBUQ em outubro são as do centro da cidade e do Jardim Novo Bandeirantes.

Também foram feitos mais de 7.500 m² de recapeamento com o Tratamento Triplo Superficial e em Recomposição de Base para Pavimentação, totalizando 241.582,51 m² de recapeamento asfáltico de janeiro a setembro de 2021, no maior programa de recuperação de vias que a cidade já teve. Junto ao trabalho de recapeamento, também é feita a sinalização viária horizontal. Até setembro, mais de 15 mil m² de pinturas de faixa já tinham sido feitas, principalmente nas vias que foram recapeadas.

Mário Vander Martins, diretor da Comdec, destaca que as vias com mais problemas são a prioridade. “Nós sempre optamos por revitalizar primeiro as vias que estão mais necessitadas, evitando o risco de acidentes. Além disso, nós fazemos a regionalização das ruas, ou seja, se vamos para um bairro, já recapeamos todas as vias que precisam naquela região”, detalha. Segundo ele, as avenidas e as ruas mais movimentadas também são priorizadas.

Martins explica que com a última forte chuva que aconteceu em outubro, foi feita uma operação emergencial de tapa buracos. “Nós saímos para atender todas essas vias, mas felizmente não tivemos prejuízos tão grandes”, salienta. Ainda segundo ele, a população pode solicitar reparos em vias: “nós recebemos o pedido, é feita uma vistoria e após isso, dentro das nossas possibilidades, fazemos os reparos necessários”.

NCPMC

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.