Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Espaço completou três anos no mês de abril; apenas em 2014, foram realizados no Ponto de Atendimento ao Empreendedor mais de 2.500 atendimentos para cerca de 600 empresas, além de consultorias especializadas

Na semana que passou, o Sebrae/PR, a Prefeitura de Cambé e a Associação Comercial e Industrial de Cambé (ACIC) promoveram um evento para celebrar o aniversário de três anos do Ponto de Atendimento ao Empreendedor no município. Várias autoridades locais marcaram presença na comemoração, como o prefeito João Pavinato; a primeira-dama Ana Paula de Angeli Andrade; a vice-prefeita Cidinha Pascueto; a secretária de Desenvolvimento Econômico, Lourdes Maçolla; o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Soares; o presidente da ACIC, Junior César Santos; além do gerente regional do Sebrae/PR, Heverson Feliciano, e do consultor do Sebrae/PR, André Azevedo.

O Ponto de Atendimento ao Empreendedor segue um modelo formatado pelo Sebrae/PR para prestar um melhor atendimento aos empresários e futuros empresários, que, antes, precisavam se deslocar até Londrina para participar das ações promovidas pela entidade. O espaço oferece informações, treinamentos e consultorias especializadas nas áreas de marketing, finanças e recursos humanos para melhorar a gestão das empresas, além de atender as necessidades locais dos empresários de micro e pequenas empresas. A iniciativa é fruto de uma parceria firmada entre representantes do Sebrae/PR, Prefeitura de Cambé e ACIC.

Heverson Feliciano, gerente regional do Sebrae/PR, no norte do Estado, destaca que Cambé é uma cidade estratégica para o desenvolvimento da região, uma vez que apresenta altos índices de crescimento. “O Sebrae/PR já atuava no município em várias ações, como com o Programa Negócio a Negócio (que oferece orientações empresariais gratuitas de consultores nos empreendimentos) e o Ponto de Atendimento foi muito importante para consolidar nosso trabalho. Apenas em 2014, foram realizados no espaço 2.542 atendimentos, para mais de 600 empresas. É um número expressivo e demonstra a força do empreendedorismo em Cambé e a vontade dos empreendedores locais de investirem em conhecimento para alavancar seus negócios”, afirma.

Feliciano acrescenta ainda que a inauguração da unidade em Cambé era um sonho antigo, compartilhado entre o Sebrae/PR e as lideranças empresariais do município. “O Ponto de Atendimento ao Empreendedor em Cambé representa um salto para o desenvolvimento do município a partir da abertura de novas empresas, que geram mais empregos e renda para a população”, diz.

O prefeito João Pavinato destaca que a instalação do PA, como também é chamado o espaço, fortaleceu a parceria com o Sebrae/PR, que já dura mais de 30 anos. Além disso, enfatiza a importância da entidade na realização dos sonhos da população de Cambé, oferecendo ferramentas para melhorar a condição de vida, por meio do estímulo ao empreendedorismo. “Quando se trata de sonhos, o Sebrae/PR é um bom caminho. Muitas pessoas têm dificuldades de abrir o próprio negócio, porque tropeçam na burocracia e na falta de informação. E, nesse sentido, o Sebrae/PR presta um auxílio excelente para os empresários que comandam negócios de pequeno porte.”

O prefeito frisa ainda que o município de Cambé passa por um momento de desenvolvimento e expansão, fator que atrai novas oportunidades para quem deseja se tornar ‘seu próprio patrão’. “A cidade de Cambé possui muitas potencialidades nos bairros que ficam nas proximidades da região central, como Ana Rosa, Santo Amaro e Castelo Branco. São locais onde já existem até agências bancárias e que ficam apenas 6 quilômetros distantes do centro”, avalia João Pavinato.

Para o presidente da ACIC, o PA de Cambé é fundamental para o desenvolvimento do município. “No início, o espaço atendia os microempreendedores individuais, que saíram da informalidade. E desde que a Sala do Empreendedor foi inaugurada, prestando atendimento exclusivo para a categoria, o PA também teve mudanças e hoje conta com profissionais preparados para orientar e capacitar os empresários de micro e pequenas empresas em várias situações que acontecem no cotidiano. O espaço é muito importante para a classe empreendedora e é mais um serviço presente no portfólio para os associados da ACIC”, relata Junior César Santos.

Peça teatral

A comédia “Fazemos qualquer negócio”, uma produção da Mazzeto Produções Artísticas, foi uma das atrações do evento em comemoração ao aniversário do Ponto de Atendimento ao Empreendedor. O grupo, formado por cinco atores profissionais, encenou várias cenas que reproduzem os problemas diários enfrentados por consumidores, funcionários e patrões no dia a dia na atividade comercial. Com uma boa ‘dose’ de humor, os artistas chamaram a atenção do público sobre a importância do atendimento ao cliente, desde a entrada no estabelecimento, passando pela venda, pela troca e pelo pós-venda. A peça teatral também reproduziu conflitos comuns entre clientes e patrões e arrancou muitos risos da plateia.

Asimp/Sebrae/PR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios