Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A principal estratégia definida na última quarta-feira (20), na Secretaria de Saúde do Paraná, foi a adoção de um aplicativo móvel para integrar a população às ações contra a proliferação do aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre amarela, chikungunya. Das 399 cidades, 56 já estão com o Controle de Endemias diretamente cadastrados no sistema do app Radar Cidadão. A meta é operacionalizar a ação em todos os municípios do Estado até o final desta semana.

Com o aplicativo Radar Cidadão, que pode ser baixado do Google Play e da loja IOS, o usuário pode fotografar ou filmar o foco da larva do mosquito, geolocalizar com o GPS e o sistema garantirá a entrega da informação ao Controle de Endemias de cada cidade. Como o app tem opções de denúncias sobre outras demandas sociais e estruturais, as demais informações são reencaminhadas à ouvidoria de cada município.

A eficiência da ação depende da divulgação da ferramenta, que é gratuita para a população e poder público. Mais informações sobre o Radar Cidadão podem ser encontradas no www.radarcidadao.com.br .

Cidades com controle de endemias integrados ao app

Abatiá

Ampére

Andira

Bandeirantes

Barracão

Bela Vista

Boa Esperança

Bom Jesus

Braganey

Cascavel

Cafelândia

Capanema

Colombo

Congonhinhas

Cornélio Procópio

Cruzeiro do Iguaçu

Curitiba

Dois Vizinhos

Enéas Marques

Flor da Serra

Francisco Beltrão

Guaraniaçu

Itambaraca

Leopolis

Londrina

Manfrinópolis

Marmeleiro

Nova América da Colina

Nova Esperança

Nova Fátima

Nova Prata do Iguaçu

Nova Santa Bárbara

Paranaguá

Pérola do Oeste

Pinhal de São Bento

Planalto

Pranchita

Rancho Alegre

Realeza

Renascença

Ribeirão do Pinhal

Salgado Filho

Salto do Lontra

Santa Amélia

Santa Cecília do Pavão

Santa Izabel do Oeste

Santa Mariana

Santo Antônio do Paraíso

Santo Antônio do Sudoeste

São Jerônimo da Serra

São Jorge d'Oeste

São Sebastião da Amoreira

Sapopema

Sertaneja

Uraí

Verê.

Asimp/Radar Cidadão

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios