Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Terminal Rodoviário de Ibiporã, José da Rocha Guedes que passou por reforma e ampliação, será entregue pela administração municipal à população nesta sexta-feira (15), às 19 horas. Toda a comunidade ibiporaense está convidada a participar de mais este momento da história da cidade.

O novo terminal está bastante diferente daquele que foi construído na década 70. A nova estrutura preconiza a modernização da infraestrutura, cobertura, reestruturação das plataformas de embarque e desembarque, substituição do piso. Os banheiros e todo o terminal são adaptados para as pessoas com necessidades especiais. Essas mudanças avaliadas pelo projeto arquitetônico, o qual foi desenvolvido pelo arquiteto e urbanista Júlio Dutra, em parceria com a Secretaria de Planejamento, proporcionarão atendimento mais humanizado aos passageiros.

O novo terminal rodoviário da cidade recebeu investimentos próprios do município no valor de R$ 1.025.389,21 e foi ampliado em 288,02 m², passando de 1.161,82 m² para 1419,84m² de área construída. E passará a contar com totem eletrônicos para que os usuários confiram os horários dos ônibus, salas para venda de passagens, revistaria, bomboniere, Centro de Informações Turísticas, internet gratuita. Além de outros serviços oferecido pelo poder público municipal.

Conforme a administração municipal este momento é esperado por boa parte da população que faz uso do transporte público. A readequação do espaço era uma necessidade antiga, pois o volume de usuários cresceu muito nos últimos anos. Em 1995 o local já havia passado por melhorias, com a troca de piso, cobertura, troca de sanitários, telhas, iluminação e pintura. Entretanto, com o crescimento da cidade, a antiga estrutura já não conseguia comportar satisfatoriamente os cinco mil usuários que utilizam o terminal diariamente.

Contratada por meio de licitação, na modalidade Tomada de Preço (TP) nº 04/2015, a Opus Prima Engenharia e Construções Ltda foi a responsável por executar a reforma e ampliação, com fiscalização da Secretaria municipal de Obras. Conforme o edital, a empresa terá de dar garantia de cinco anos ao serviço estrutural e de três anos as partes: hidráulica, elétrica e acabamentos em geral ao serviço prestado para a Prefeitura de Ibiporã.

Redação:J.U informações PMI

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios