Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Evento apresentará conceitos de vigilância socioassistencial e os resultados e produtos do processo de consultoria realizada em Londrina

A Secretaria Municipal de Assistência Social realizará amanhã (14), das 8 às 14horas, o II Encontro Municipal de Vigilância Socioassistencial. A ação será no anfiteatro do Centro de Estudos Sociais Aplicados (CESA) da Universidade Estadual de Londrina. O evento prossegue até quinta-feira (15), no mesmo horário e local.

A intenção é discutir o processo de Vigilância Socioassistencial no Município e os resultados da consultoria realizada no período de 2015 a 2016. Além disso, espera-se receber contribuições para a ampliação do conhecimento dos profissionais da área, sensibilizá-los por meio da formação dos grupos territoriais e proporcionar reflexões que favoreçam a inclusão da vigilância socioassistencial no cotidiano dos serviços.

Para isso, foram convidadas as consultoras e pós-doutoras Dirce Koga e Carola Carbajal Arregui, a equipe técnica dos serviços de proteção básica e especial e os gestores da Secretaria Municipal de Assistência Social. Todos abordarão os conceitos de vigilância socioassistencial e os resultados e produtos do processo de consultoria realizadas em Londrina.

A diretora de Gestão do Sistema Municipal de Assistência Social, Gisele de Cássia Tavares, explicou que o serviço de vigilância foi implantado como norma operacional do Sistema Único de Assistência Social em 2005, juntamente com a política de proteção e de defesa das pessoas em vulnerabilidade social. De lá para cá, o Município vem investindo em ações para implementação da área.

Em 2015, a Prefeitura contratou uma consultoria externa para ajudá-la a implementar o trabalho na cidade. Segundo dados preliminares, que serão apresentados na oportunidade, percebeu-se, por exemplo, que a incidência de idosos morando sozinhos na região Norte B é a maior da cidade, seguida pela Norte A, Leste, Oeste B e tendo a área Rural e a Sul A com os menores indicadores. Com essas informações, os profissionais conseguem organizar melhor as ações e investimentos.

Gisele disse que com a vigilância socioassistencial se consegue partilhar os recursos financeiros com metas claras. “Os dados obtidos com a vigilância nos ajudaram a termos visão de onde a necessidade de cobertura é maior, qual é o perfil do público que procuramos atender e daqueles que ainda se encontram fora da rede. Isso tornou mais racional, seguro e objetivo o investimento orçamentário do Município, além de que com critérios técnicos temos mais segurança para realizarmos as ações e políticas públicas assistenciais”, ressaltou.

Os profissionais da Diretoria de Gestão do Sistema Municipal de Assistência Social também apresentarão os estudos realizados e os processos que estão em andamento para o incremento da Vigilância Socioassistencial. Eles buscam subsidiar os serviços para a viabilização da proteção social. Todos que atuam na rede socioassistencial e que se inscreveram poderão participar. A expectativa é que 200 pessoas participem do evento.

Cronograma de atividades

Quarta-feira (14)

Às 8 horas – acolhida
Às 8h30 – Abertura oficial e breve histórico da vigilância socioassistencial em Londrina.
Às 9h30 – Palestra com a pós-doutora em Serviço Socia, pesquisadora e professora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Dirce Koga.
Às 11 horas – Coffee Break
Às 11h30 – Palestra com a pesquisadora e pós-doutora em Economia pela Universidade Pierre Mendès France em Grenoble (França), Carola Carbajal Arregui.
Às 13 horas – Mesa redonda
Às 14 horas – Encerramento

Quinta-feira (15)

Às 8 horas – Acolhida
Às 8h30 – Abertura do segundo dia
Às 9h – Apresentação dos produtos
Às 10h30 – Debates com Dirce Koga e Carola Carbajal Arregui
Às 11h30 - Coffee Break
Às 12 horas – Apresentação dos grupos por território
Às 13 horas – Retorno com trabalho em grupos
Às 14 horas – Encerramento das atividades

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios