Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Copel já iniciou as obras da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Bela Vista, no Sudoeste do Paraná e a construtora contratada para os trabalhos tem vagas de emprego abertas na região. As pessoas interessadas devem procurar a Agência do Trabalhador de Verê ou de São João para fazer um cadastro e se candidatar aos postos disponíveis de acordo com sua qualificação.

As obras começaram neste mês de junho e devem durar até o final de 2020. A estimativa é que sejam gerados cerca de 300 empregos diretos, podendo chegar a 500 no pico das obras – previsto para meados do primeiro semestre do ano que vem.

Há vagas nas áreas de construção civil, tais como servente de pedreiro, pedreiro, armador e carpinteiro, e de montagem eletromecânica. Será dada prioridade para contratação de mão de obra local, ou seja, moradores dos municípios de São João, Verê e Dois Vizinhos. Embora não haja requisito mínimo de qualificação para concorrer às vagas, terão preferência trabalhadores com experiência nas funções.

Famílias

A Copel também vai atualizar o cadastro socioeconômico das famílias que vivem nas áreas abrangidas pela usina. O cadastro tem por finalidade identificar e categorizar a população lindeira do reservatório para auxiliar na aplicação de medidas para reduzir e compensar eventuais impactos causados pela obra.

O cadastramento é feito pela empresa Soma, contratada pela Copel. As informações sobre cadastramento e também sobre as vagas de emprego podem ser obtidas pelo fone 0800 644 5445.

Bela Vista

A PCH será instalada no Rio Chopim, entre os municípios de Verê, onde fica o canteiro de obras, e São João, no Sudoeste paranaense. O empreendimento recebeu do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) a licença de instalação em maio de 2019. Naquele mesmo mês foi assinado o contrato de fornecimento de bens e prestação de serviços para implantação da usina e do sistema de transmissão associado, com as obras iniciadas já em junho.

Quando estiver pronta, Bela Vista terá potência instalada de 29 megawatts (MW) e garantia física de 18,32 MW médios – podendo produzir energia elétrica para até 100 mil pessoas. Na área da PCH será também construída uma subestação elevadora (13,8 kV/138 kV) conectada à subestação Dois Vizinhos através de uma linha de transmissão de 18 quilômetros de extensão que passará por Verê, São Jorge D’Oeste e Dois Vizinhos.

A previsão é que a usina inicie o fornecimento de energia até o final do ano que vem.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios