Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Iniciativa integra a mobilização mundial de homens pelo fim da violência contra as mulheres; lançamento reune vários segmentos da sociedade civil

Será realizado nesta terça-feira (6), às 19 horas, o lançamento da Campanha do Laço Branco em Londrina, com o tema “Mobilização Mundial de Homens pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”. A solenidade ocorre no Centro de Eventos e Convenções do Aurora Shopping, localizado na Avenida Ayrton Senna da Silva, 400, na Gleba Palhano. A iniciativa é da Associação Nós do Poder Rosa, da 10ª Subdivisão da Polícia Civil de Londrina e da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM).

Durante a cerimônia, haverá a entrega do laço branco aos participantes e também aos frequentadores do shopping. O elemento foi adotado como símbolo mundial da campanha que tem como objetivo promover a conscientização dos homens sobre a igualdade de gênero, com a ideia de combater os atos violentos contra as mulheres. No Brasil, o dia 6 de dezembro foi instituído, pela Lei nº 11.489/2007, como Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

Para a secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Sônia Medeiros, a campanha tem importância fundamental para o fortalecimento da luta pela não violência contra a mulher e para iniciar um movimento em Londrina que possa, de fato, mobilizar os homens no debate do assunto. “O principal ponto da campanha é plantar uma semente para mudar a visão masculina e a postura dos homens diante dos atos de violência que as mulheres sofrem diariamente, fazendo com que eles apoiem a causa e não fechem os olhos para essa realidade”, afirmou.

O delegado-chefe da 10ª Subdivisão Policial de Londrina, Sebastião Ramos dos Santos Neto, ressaltou que a iniciativa estimula um maior engajamento do homem no enfrentamento aos atos de violência contra as mulheres. “Dificilmente os homens participam de ações para discutir e refletir sobre uma situação tão preocupante em nosso país como é a violência que as mulheres sofrem. Trata-se de uma questão complexa que exige ser trabalhada com transversalidade e de forma multidisciplinar, sob a ótica social, policial, judicial, da saúde e da educação, com o objetivo de diminuir os índices de violência”, frisou.

Laço Branco – O dia 6 de dezembro foi escolhido para simbolizar a mobilização dos homens pelo fim da violência contra as mulheres. A data remete a um evento ocorrido em 1989, em Montreal, no Canadá. Na ocasião, Marc Lepine, então jovem de 25 anos, invadiu uma aula da Escola Politécnica, ordenou que os homens se retirassem e começou a atirar, assassinando 14 mulheres. Logo em seguida, Marc cometeu suicídio e deixou uma carta justificando o ato. Ele dizia que não suportava a ideia de ver mulheres estudando engenharia, um curso tradicionalmente masculino.

Na época, o crime mobilizou a opinião pública de todo o país e colocou em debate as desigualdades existentes entre homens e mulheres e a violência gerada por esse desequilíbrio social. A partir disso, um grupo de homens canadenses se organizou para mostrar que existem homens que repudiam qualquer forma de violência contra as mulheres. O laço branco foi eleito como símbolo para ampliar a discussão e conscientizar o público masculino no combate às situações de violência.

16 Dias de Ativismo - O lançamento da Campanha do Laço Branco integra a programação da “Campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres”, organizada pela Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres. A campanha foi lançada no dia 20 de novembro e prossegue até 9 de dezembro com a realização de diversas atividades. São atos públicos, palestras, capacitações, atividades festivas, fórum de debates, entre outras ações em conjunto com entidades parceiras. A programação está disponível no portal da Prefeitura, pelo endereço www.londrina.pr.gov.br/mulher .

Participam do lançamento da campanha nesta terça-feira (6) a secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Sônia Medeiros; o delegado-chefe da 10ª Subdivisão Policial de Londrina, Sebastião Ramos dos Santos Neto; e Ivanira Carraro, integrante da Associação Nós do Poder Rosa. A cerimônia também contará com a presença de representantes de órgãos de justiça, instituições de ensino, associações, ONGs e entidades de diferentes segmentos da sociedade civil.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios