Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Tomaram posse na sexta-feira (10) os conselheiros tutelares que irão atuar em Tamarana de 2020 a 2024. Assim como ocorreu em todo o Brasil, eles foram eleitos pela própria população.

Os cinco candidatos mais votados na eleição de outubro de 2019 já começaram a trabalhar. Os outros cinco postulantes ao cargo que vêm em seguida com mais votos assumiram como suplentes.

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) conduziu a cerimônia que empossou os conselheiros tutelares. "Tenho certeza que todos nós, juntos, vamos fazer um excelente trabalho. A nossa preocupação são as nossas crianças e os nossos adolescentes. A gente tem que trabalhar em equipe", discursou a presidente do CMDCA e secretária municipal de Educação, Cultura e Esportes, Maisa Nakata.

Os membros titulares do Conselho Tutelar de Tamarana são Eder Gonçalves da Silva, Valdinéia Ferreira dos Santos, Márcia Alves Gonçalves, Simone Godoi Santana Basso e Marcos Alves de Melo.

Já a suplência ficou com Wegner Henrique da Silva Farias, Tatiane Aparecida de Souza, Neuza Ferreira Santos Rodrigues, Eva Danielle dos Santos e Larissa Fernanda Ferreira. Eles podem ser convocados caso haja vacância de alguma das cadeiras dos titulares.

O vice-prefeito Sérgio Nakata representou o prefeito de Tamarana, Beto Siena, durante o ato. "Vocês têm todo o nosso apoio. O trabalho tem que ser em conjunto", afirmou Nakata ao desejar boa sorte aos recém-empossados.

A defensora pública Gabriela Lopes Pinto, da sede da Defensoria Pública do Paraná em Londrina, também participou da posse. "A criança é responsabilidade de todos e é prioridade absoluta pela Constituição. A Defensoria Pública está de portas abertas para ajudar vocês", destacou ela aos presentes.

Além disso, Gabriela Lopes Pinto pediu aos conselheiros tutelares para ficarem continuamente atentos às condições em que se encontram as famílias das crianças e adolescentes atendidos pelo órgão.

Ainda marcaram presença na cerimônia de posse o psicólogo Fábio Sato, da Defensoria Pública do Paraná; os secretários municipais de Administração, Roberto da Silva; de Assistência Social, Mariza Assumpção Jorge; de Governo, Fábia Siena e de Saúde, Dalva Siena; a procuradora-geral do município, Jéssica Cris Affonso; o presidente da Câmara Municipal de Tamarana, Anauto Gouvea; e os vereadores Hector Siena Gobetti, Paulo Cesar da Cruz (PC) e Silvano de Oliveira (Silvano Verdureiro).

Formação para conselheiros

Antes de tomarem posse, tanto os conselheiros titulares quanto os suplentes passaram em dezembro por uma capacitação de dois dias fornecida por professores da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Durante a formação, foram abordados temas como as atribuições do Conselho Tutelar, marcos regulatórios da proteção integral à infância e adolescência, formação da rede de atendimento intersetorial e interinstitucional de crianças e adolescentes, entre outros tópicos.

Bancada pela prefeitura, a iniciativa também foi voltada para membros do CMDCA e integrantes da rede de proteção à infância e à adolescência do município.

Atuação do órgão

O Conselho Tutelar tem entre suas responsabilidades o atendimento às crianças e aos adolescentes cujos direitos se encontram ameaçados ou lesados, a fiscalização das entidades que trabalham com esse público e o aconselhamento dos pais ou responsáveis. Os salários dos conselheiros são pagos pelo próprio município.

Em Tamarana, o Conselho Tutelar está localizado à Rua Demétrio Carneiro Siqueira, 17, Centro. Os telefones para acionar o órgão são o 3398-1975 e o 9 9943-6212. Este último é o número de plantão e funciona 24 horas por dia, em todos os dias da semana.

NCPMT

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios