Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Ministério Universidades Renovadas (MUR), da Renovação Carismática Católica (RCC), completou no último dia 29 de julho 21 anos de atuação em Campo Mourão, nas instituições universitárias da cidade. O objetivo principal é evangelizar com renovado ardor missionário, testemunhando Jesus Cristo e difundindo a experiência de Pentecostes dentro das universidades. Tudo se iniciou em 1998, e agora se completam 21 anos de muitos frutos colhidos e bênçãos. O movimento está sediado atualmente em três instituições (UTFPR, Unespar e Integrado Campus e Central).

Neste ano, em 1998, a ex-coordenadora diocesana da RCC em Campo Mourão, enviou Edilson Marques Bizerra e João Carlos para o 1º Encontro Nacional de Universitários Carismáticos Católicos, o ENUCC, em Presidente Prudente (São Paulo). A partir desta data, nascia no coração desses jovens o sonho de ver os Grupos de Oração Universitários (GOUs) presentes nas universidades da cidade. Em 29 de outubro de 2000 foi fundada a Capela Universitária da Unespar, com entronização do Santíssimo no dia 19 de setembro de 2001.

Os grupos do Movimento Universidades Renovadas (MUR) funciona com os seguintes grupos nas instituições: UTFPR - Grupo de Oração Santa Gemma Galgani (quarta-feira – 12h30), Unespar – Grupo de Oração Karisma (segunda-feira – 21 horas), Integrado Centro – Grupo de Oração Amados do Eterno (quarta-feira – 21 horas), Integrado Campus – Grupo de Oração Chama do Amor (quinta-feira – 21 horas). Estes grupos ocorrem nos intervalos das aulas e levam os acadêmicos a terem uma experiência com Deus por meio do louvor, da leitura da palavra, da pregação e da oração. O MUR é formado por pré-universitários, acadêmicos, professores e servidores universitários, bem como profissionais formados que respondem aos crescentes desafios pela Igreja Católica, principalmente os apresentados na Encíclica Fides et Ratio (Fé e Razão).

“O Movimento Universidades Renovadas (MUR) concilia a fé e a razão, com a missão de transformar a sociedade e o mundo profissional por meio do batismo no Espírito Santo, e assim construir, como nos pedia São João Paulo II, a Civilizacao do Amor; incentivando ainda a formação dos Grupos de Oração Universitários (GOUs) para que, ao sair da universidade, o acadêmico entenda o Plano de Deus na sua profissão e exerça a sua vocação profissional com dignidade, ética, respeito ao homem e a certeza de que se ele não vai mudar, nada vai mudar. É preciso avançar, buscar verdadeiramente os ensinamentos de Deus e construir definitivamente a civilização do amor ao país”, destaca Edilson Marques Bizerra, um dos implantadores do MUR nas instituições de ensino superior mourãoense.

Diego Reis/Asimp

Clique nas fotos para ampliar

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios