Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça de Jaguapitã, no Norte-Central do estado, expediu recomendação administrativa para que todas as agência bancárias e casas lotéricas dos municípios da comarca (Jaguapitã e Guaraci) tomem providências para evitar a contaminação dos clientes e funcionários pelo coronavírus.

Uma vez que, mesmo com as restrições relacionadas à pandemia da Covid-19, esses estabelecimentos têm permanecido abertos por serem considerados prestadores de serviços essenciais, o MPPR considera necessária a adoção de medidas de prevenção. Entre elas, elenca o documento da Promotoria de Justiça: organização do fluxo de entrada e saída do público (de modo a evitar aglomerações e manter a distância mínima de 1,5 metro entre as pessoas); disponibilização de álcool 70% e/ou lavatórios com sabonete líquido, papel toalha e lixeira acionada por pedal; higienização e desinfecção constantes de teclados, corrimãos e puxadores e incentivo ao uso de serviços remotos para os clientes (por telefone, internet e aplicativos).

Além dos estabelecimentos destinatários das recomendações, também foi dada ciência do documento à Polícia Militar, às prefeituras, câmaras de vereadores e Conselhos Municipais de Saúde de Jaguapitã e Guaraci.

Asimp/MPPR

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.