Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Outras Cidades 29/05/2017  09h03

Prefeito e governador formalizam investimentos em saneamento

Serão investidos cerca de R$ 270 milhões em 74 municípios da região Nordeste; Londrina receberá R$ 136,750 milhões deste recurso

O governador do Paraná, Beto Richa, e o presidente da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Mounir Chaowiche, anunciaram investimentos na ordem de R$ 270 milhões para 74 municípios da região Nordeste do Estado, nesta sexta-feira (26), em Londrina. Os investimentos abrangem 46 empreendimentos para a ampliação dos sistemas de água e esgoto, além de recursos para ações de desenvolvimento e melhorias operacionais para todos os municípios atendidos pela Sanepar na região.

O prefeito Marcelo Belinati participou da solenidade, onde assinou, representando os 74 municípios, o termo de autorização dos investimentos. O evento aconteceu na Estação de Tratamento de Água (ETE) Tibagi. Em Londrina os investimentos totalizam R$ 136,750 milhões. O dinheiro será aplicado em melhorias a serem desenvolvidas em 2017 e 2018. Deste valor, já estão em contratação R$ 32 milhões, para ampliação da ETE Sul, e R$ 2 milhões estão em processo de licitação, para investimentos em instalações elétricas para diferentes empreendimentos.

O montante inclui R$ 83,3 milhões para ampliação do sistema de abastecimento de água, que abrange sete elevatórias, 12 km de adutora, novos reservatórios, com capacidade total de mais de 24 mil m3, e 43 km de rede de distribuição de água. Também haverá investimentos em ações e equipamentos de combate a perdas; ampliação e otimização das ETE norte; adequação e ampliação do sistema de abastecimento na sede do Município e ampliação do sistema de abastecimento em Guaravera, Warta e Maravilha.

O governador Beto Richa ressaltou que o seu governo tem investido, sistematicamente, desde o início, na área de saneamento. “Tanto é que o salto, no índice de saneamento dos municípios e do Estado como um todo, foi muito grande. Nós assumimos o governo com um índice de saneamento no Paraná de 51% e hoje o índice passa de 70%. Nós pretendemos continuar investindo nessa área porque saneamento é saúde e contribui para um desenvolvimento sustentável e vigoroso do Paraná”, destacou.

Além dos municípios que compõem a região norte e nordeste, recentemente o governador anunciou investimentos na área para cidades como Curitiba e região metropolitana; Ponta Grossa, para os campos gerais; Cascavel, para o oeste e sudoeste do Paraná e Maringá, para todo o noroeste. “Com estes investimentos recebemos o reconhecimento nacional de que a Sanepar é a melhor companhia de saneamento do País”, frisou.

O prefeito Marcelo Betinati agradeceu os investimentos do governo do Estado e disse que as obras são de suma importância para a população de Londrina e região. “Como médico eu sei o que o saneamento básico representa à saúde das pessoas. Alguns estudos, de organizações nacionais, mostram que cada R$ 1 real investido em saneamento, gera uma economia de pelo menos R$ 4 reais de custo na saúde pública, porque as pessoas ficam menos doentes com a água tratada e com a rede de esgoto. Por isso a importância destes investimentos, pois eles promovem melhorias na saúde e qualidade de vida das pessoas”, salientou.

O presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, explicou que parte dos recursos dos municípios serão investidos na expansão da captação e reversa de água, garantindo que a população do norte do Paraná não venha a sofrer com  falta de água em uma possível crise hídrica, e outra parte em coleta e tratamento de esgoto. “Apesar de estarmos nos destacando no cenário nacional, onde a média de coleta e tratamento de esgoto é de 40% e no Paraná é de 70%, ainda temos 30% para avançar. Estamos investindo para que possamos ter, em todos os municípios do Paraná onde a Sanepar atua, coleta e tratamento de esgoto”, ressaltou.

Também participaram da solenidade, representando a superintendência da Caixa Econômica Federal, Rogério Molina Wilens; o coordenador da Região Metropolitana de Londrina (Comel), Marco Antônio Santi; os deputados Tiago Amaral, Cobra Repórter, Alexandre Curi, Márcio Pauliki, Nelson Padovani, Luiz Claudio Romanelli; o diretor-presidente do Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), Florindo Dalberto, além de diversos prefeitos da região.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios