Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Outras Cidades 29/03/2017  08h52

Prefeito recebe relatório da Conferência Municipal dos Direitos Humanos em Londrina

Documento foi entregue, ao prefeito Marcelo Belinati, por representantes de movimentos sociais e entidades da sociedade civil organizada

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, recebeu em seu gabinete, na tarde de ontem (28), o relatório elaborado na Conferência Municipal dos Direitos Humanos, que ocorreu no ano passado em Londrina. A conferência, que foi convocada pelo governo estadual, levantou propostas e demandas através da participação de representantes de movimentos sociais e entidades da sociedade civil organizada.

O relatório foi entregue ao prefeito pelo coordenador estadual do Movimento Nacional dos Direitos Humanos do Paraná, Carlos Henrique Santana, acompanhado por líderes de movimentos locais e membros do Centro de Direitos Humanos de Londrina (CDHL).

Para Marcelo, é importante o contato entre a Prefeitura e as entidades representativas, pois através deste diálogo é possível efetuar melhorias que melhor atendam a todas as camadas da população. “A Prefeitura possui uma comissão permanente que está avaliando toda a sua estrutura administrativa. Vamos chamar vocês para juntos discutirmos o que é preciso e o que podemos fazer para atender as necessidades de vocês”, afirmou.

Sobre as demandas apresentadas pelos representantes dos movimentos indígena, negro, LGBT, de pessoas com deficiência, religiões de matriz africana, artistas de rua e de mulheres, o prefeito esclareceu que serão consideradas também. “O Município está em um momento financeiro muito delicado, e estamos analisando todas as áreas para termos consciência de todas as dificuldades. Vamos manter esse diálogo entre vocês e as secretarias, para construir ao longo do ano essas mudanças. Vou analisar cada pedido e intermediar as questões”, afirmou.

Segundo o coordenador estadual do Movimento Nacional dos Direitos Humanos, a entrega do relatório da Conferência Municipal é uma medida que permite à cidade refletir e analisar o que são os direitos humanos e a sua importância na vida de toda a comunidade londrinense.

Santana explicou ainda que a expectativa é de que o movimento consiga discutir com a administração municipal as demandas levantadas, propondo soluções. “Nosso objetivo é, dentro das possibilidades, melhorar ainda mais os programas que podem fazer com que os direitos humanos sejam respeitados. Nossa ideia é trazer ao prefeito o que a sociedade civil sentou e organizou, no sentido de apresentar propostas”, destacou.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL