Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

No evento, aberto ao público, será apresentado e discutido o Plano de Ações 

A cidade de Apucarana sediará a Quarta Audiência Pública do Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável da Metrópole Paraná Norte, que será realizada no dia 10 de outubro, a partir das 18h30, no Auditório do SENAC. No evento, será apresentado o Plano de Ações do estudo, o qual foi discutido em duas oficinas técnicas realizadas em Londrina e Maringá nos dias 4 e 5 de setembro, envolvendo a equipe do consórcio responsável pela elaboração do Plano e representantes dos municípios contemplados pelo projeto.

Na audiência pública, será apresentado o Produto 11 – Relatório do Plano de Ações Consolidado, o qual é parte integrante da Etapa 4 - Planos de Ação, e está disponível para acesso por meio do link https://www.metropoleprnorte.com.br/relatorios. Nesta etapa final do estudo, são formulados e detalhados os planos, programas, projetos e ações prioritárias pensados em curto, médio e longo prazo, hierarquizados por prazos de execução, acompanhados de propostas orçamentárias, cronogramas físicos e indicação preliminar de fontes de recursos que permitam a implementação do Plano.

As propostas consistem em intervenções físicas, estudos complementares e ações institucionais que propiciem o equilíbrio entre os componentes da sustentabilidade (sociais, econômicas e ambientais), da organização espacial, modernização institucional, de infraestrutura e produtiva.

Na audiência pública, toda a comunidade poderá contribuir para aprimorar o documento. É importante acessar o conteúdo dos relatórios no endereço informado.  A audiência pública sela a quarta e última etapa da elaboração do Plano da Metrópole Paraná Norte.

Corredor de desenvolvimento

O Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável da Metrópole Paraná Norte é um projeto do Governo do Paraná que conta com o apoio do Banco Mundial. Ele visa o desenvolvimento de um grande corredor unindo as cidades de Apucarana, Arapongas, Cambé, Cambira, Ibiporã, Jandaia do Sul, Jataizinho, Londrina, Mandaguaçu, Mandaguari, Marialva, Maringá, Rolândia, Paiçandu e Sarandi. Ao todo, são 15 municípios situados ao longo das BR-369 e BR-376, concentrados em uma área de 6.225 quilômetros quadrados e 1,7 milhão de habitantes.

Além do Consórcio Cobrape-URBTEC, empresa contratada para elaborar o plano, participam desse trabalho as Secretarias de Planejamento, Infraestrutura e Logística, Meio Ambiente e ITCG, Desenvolvimento Urbano, IPARDES e representantes eleitos e indicados pelos 15 municípios. Todos esses atores auxiliam na construção de um projeto para o desenvolvimento regional sustentável do Norte do Paraná.

Asimp/Senac

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios