Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Secretaria de Planejamento informa que, para a liberação de recursos federais ou estaduais para a execução de obras, são necessárias diversas etapas, desde projeto, conferência de dados e de documentos, licitação e a liberação dos recursos para o início dos empreendimentos. Em média, obras com recursos federais têm pelo menos 14 etapas, da concepção até o início da construção e obras com recursos estaduais têm pelo menos 10 etapas. Por isso, eventualmente, as obras não tem a celeridade que se espera, devido aos trâmites legais.

No tocante a recursos federais, obras como a do Centro Cultural San Fernando, Reforma do Ginásio da Vila Oliveira, Reforma da Quadra do Parigot e Revitalização do Vale Verde (essas já estão licitadas e aguardam a liberação do recurso para iniciar);

Reforma e Ampliação do CCI (licitada, aguarda a assinatura do contrato), Reforma da Quadra do Santiago (Licitada - Aguardando recurso para abrir envelopes), Reforma do Ginásio Emílio Gomes (Aguardando autorização da Caixa para abertura de licitação) e a Reforma do Hotel Rolândia (aguardando parecer técnico referente à análise de projeto) são obras advindas de recursos federais e aguardam a liberação desses recursos, em contas próprias para cada empreendimento. São mais de dois milhões e trezentos mil reais em obras que aguardam o trâmite da Caixa Econômica Federal para prosseguir.

Já projetos que aguardam os próximos procedimentos via PARANACIDADE (Governo Estadual) somam mais de dois milhões de reais: Calçadas com acessibilidade ( projetos aguardam análise); Meu Campinho do Jardim Morumbi, Revitalização da Praça do Novo Horizonte e Reforma da Capela da Vila Oliveira ( Licitados – aguardando assinatura do contrato); Reforma da Pista de Atletismo do Estádio Erich Georg (Licitação será dia 12 de agosto); Meu Campinho do Roland Garten    (Licitado e preparando a assinatura de contrato).

Outros projetos, a título de operação de crédito, estão em fase de análise e apresentação de documentos junto ao PARANACIDADE, passam de doze milhões de reais:

Pavimentação Urbana – Avenida Hungria; Drenagem de Emissário III, Aquisição de terreno industrial e Centro de atendimento à infância e adolescência.

NCPMR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.