Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

No mês de março, a Secretaria de Saúde de Rolândia, através do setor de Vigilância em Saúde e Atenção Primaria a Saúde, está realizando diversas ações de prevenção de doenças.

Entre os dias 16 e 23 foi realizado uma Campanha de testes rápidos na empresa JBS onde foram oferecidos testes de sífilis e hepatite C, sendo realizados 160 testes e detectados 2 casos positivos para sífilis. Os testes são rápidos e foram realizados pelos enfermeiros(as) Marcelo, Fhadia e Luiz, e pelas técnicas de enfermagem Cintia e Glaucia, além da  colaboração da Agente Comunitária de Saúde Cíntia, da UBS Central.

A responsável pelo evento foi a coordenadora de Doenças Sexualmente Transmissíveis de Rolândia  Cintia Borges Grabriel Lucani que destacou que “é importante observar que a prevenção para essas doenças são preservativos e informações”.

O evento contou aindacom apoio da Gerência do setor de Epidemiologia de Rolândia, equipe da UBS Central, 17º Regional de Saúde e Enfermeira do trabalho Simone da empresa JBS. A detecção da sífilis é feita em 20 minutos. A doença pode se manifestar em três estágios e as pessoas sexualmente ativas devem realizá-lo costumeiramente, principalmente as gestantes, já que a sífilis congênita pode causar aborto. O único modo seguro para evitar a contaminação com sífilis é não ter nenhum tipo de contato sexual. Ter relações sexuais com pessoas distintas aumenta o risco de contrair a doença, contudo, o mais importante é sempre fazer uso do preservativo. A camisinha é medida preventiva não só para sífilis, mas também para todas as outras doenças sexualmente transmissíveis (DST’s). Já a hepatite C é uma doença viral que leva à inflamação do fígado e raramente desperta sintomas. Na verdade, a maioria das pessoas não sabe que tem hepatite C, muitas vezes descobre através de uma doação de sangue ou pela realização de exames de rotina, ou quando aparecem os sintomas de doença avançada do fígado, o que geralmente acontece décadas depois.

Proteja-se contra a infecção por hepatite C tomando as seguintes precauções:

·  Não faça uso de drogas ilícitas;

Seja cauteloso com piercings e tatuagens. Procure sempre um local e um profissional de confiança. Faça perguntas de antemão sobre a forma como o equipamento está limpo e verifique se os funcionários usam agulhas esterilizadas;

Tenha seu material de manicure, ou certifique-se que foi esterilizado quando usar em salões de beleza;

Proteja-se durante a relação sexual. Use sempre preservativos.

Ainda não existem vacinas contra a hepatite C.

ASCOM/PMR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL