Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) confirmou nesta segunda-feira, 25, a retomada das obras do Centro Estadual de Educação Profissionalizante de Colorado. As obras do centro estavam paradas desde 2014 depois que a construtora responsável pelas obras desistiu da empreita. “Esse foi um desafio que assumi com o prefeito Marcos Mello em 2017 e, desde então, não desisti de lutar por essa importante conquista para Colorado e região”, disse Romanelli.

Iniciadas em 2012, as obras de construção do centro de ensino foram paralisadas em 2014. O investimento é de R$ 7,25 milhões. Cerca de R$ 2,6 milhões já foram pagos. O investimento é do governos federal e estadual. “É fundamental que a obra seja concluída pois vai qualificar muita gente, é uma conquista para o município”, disse o prefeito Marcos Mello (Patriota).

O centro de educação - com salas de aula, cozinha, refeitório, laboratórios, biblioteca, salas de professores, área de esporte, banheiros, salas administrativas e outras dependências - vai atender 1.200 alunos de Colorado e outras 12 cidades próximas da cidade da região Norte.

Desenvolvimento

Desde que assumiu o compromisso pela retomada das obras, Romanelli participou de diversas reuniões na Fundepar, juntamente com o prefeito Marcos Mello. Para o deputado, o centro de educação de Colorado vai contribuir na promoção do desenvolvimento do município e região.

 “O governo estadual tem investido há alguns anos nos centros. O que temos visto é que a educação profissional possibilita, não só a qualificação de pessoas para o mercado de trabalho, mas também a geração de novos negócios, de empreendedores e o desenvolvimento local como um todo. O que é muito importante. Valorizar e investir nos municípios do interior, é uma das prioridades do nosso trabalho”, completou.

No centro de educação profissional, serão ofertados cursos técnicos em Eletrotécnica, Eletromecânica, Química, Açúcar e Álcool, Curtimento e Zootecnia, entre outros no futuro, que atenderão a região de 60 mil moradores. Os cursos serão aprovados conforme a necessidade.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios