Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A modelo Débora Dunhil foi no programa Superpop, da apresentadora Luciana Gimenez, na Rede TV, nessa semana, para falar sobre os ataques que vem recebendo nas ruas e os linchamentos na internet, onde atacam a beldade xingando ela e apontando na rua com ofensas de baixo calão.

O impacto emocional é tão grande, que Débora revelou que já foi obrigada a se retirar de um evento antes da pandemia. “Estava num camarote em São Paulo e as pessoas estavam dizendo lá que eu estava fazendo programa”, declarou a modelo que está com traumas devido à isso e passando em consultas com psicólogo e terapeuta.

Ainda sobre esse momento delicado que está passando, Débora disse que há cinco dias atrás tentou tirar sua própria vida mais uma vez. “Eu estava tão traumatizada que tentei tirar minha vida mais uma vez há alguns dias atrás, mas a Bruna Ferraz soube e ficou dois dias conversando comigo para ela não deixar isso acontecer mais na minha vida”, disse a modelo.

No programa Superpop, Débora contou também que muitas atrizes mentem sobre o valor do cache que elas recebem. Ela disse que não existe ganhar 30 mil reais e depois estar passando fome, enquanto ela procura as produtoras para pedir amigavelmente os contratos, pois o passado está atormentando ela diariamente.

Ela também disse que não é mais a personagem dos filmes que ele realizou e mudou radicalmente seu estilo de vida. “Eu mudei, não sou mais a pessoa que atuava nos filmes e por isso eu acredito que as pessoas não aceitam isso devido ao meu passado”, disse Débora Dunhil, que acredita que devido as fotos ousadas que ela publica nas redes sociais, as pessoas acham que ela continua sendo a mesma do passado.

Débora também declarou que quer tirar todos os filmes que ela participou do ar e já contratou uma advogada para conseguir isso. Hoje ela sofre muito com o preconceito e está assombrada com tudo isso pelo fato de quando estava com covid-19, relançaram um filme antigo dizendo que tinha voltado para o mundo adulto onde ela tem provas que não, pois estava isolada em quarentena, porém o filme foi lançado já há um mês. Por causa desse filme, Débora está sofrendo outra vez e perdendo muitas parcerias e pessoas se afastando e com vergonha dela.

A modelo se arrepende de ter trabalhado na indústria de filmes adultos, pois não imaginava que ia sofrer tanto como está sofrendo perdendo tudo ela diz a vontade que tenho é de jogar tudo pro alto e diz que da sua família só sua mãe está do seu lado. Débora também contou que também já foi abusada na infância e já foi enganada por produtores onde já chegou a gravar e não receber o cache. A morena disse que tem muito podre por traz das câmeras que ninguém tem coragem de falar hoje.

Débora e modelo estuda e trabalha com marketing digital e está tentando fazer com que seu perfil do close friends, perfil para assinantes venda do Instagram.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios