Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Sempre engajada em projetos sociais e acreditando no crescimento do terceiro setor da economia, Karina Almeida aproveitou os anos 2020/2021, em plena explosão da pandemia, para incentivar mais de 25 pessoas em vulnerabilidade social a se profissionalizarem.

 “Foi um ano desafiador para todos nós, números assustadores de pessoas desempregadas aumentando o quadro de miséria no Brasil. Diante disso, e como sempre tive o viés social, aproveitei para buscar parceiros como a Wella Pro Brasil, D'anju Cabeleireiros, Jussara, as ongs PAC - Projeto Amigos das Crianças e Cif - Centro Internacional de Valorização  e Desenvolvimento Social da Família, para criar e implementar  o Projeto Beleza Solidária;   Capacitamos mais de 25 pessoas para o mercado de trabalho com cursos básicos em beleza”, revela a Beauty Hair, que em 2021 ganhou o prêmio de melhor artista global Wella em textura.

O intuito do projeto nunca foi conseguir recursos do governo para tirar essas pessoas da vulnerabilidade, por isso, não conta com apoio do Poder público. Os cursos e os materiais usados neles são oferecidos gratuitamente pela equipe de parceiros. Os cursos oferecidos pelo programa estão ativos e são gratuitos.

 “O projeto consiste em  formar e capacitar profissionais para a área da beleza, cabeleireiros ou não, com conceito em beleza sistêmica. São 5 encontros presenciais onde abordamos temas como: consultoria especializada com base no visagismo; Inclusão/diversidade; perfis comportamentais; diagnóstico de sensibilidade capilar e indicação de tratamentos; técnicas de auxílio de mechas; aplicação de coloração; conscientização de responsabilidade social e ambiental, entre outros”. Além de técnicas, os cursos oferecidos pelo projeto também trata da responsabilidade do indivíduo com a sociedade, orientando sobre respeito, deveres e direitos de cada um dentro de uma comunidade.

Além do projeto social no Brasil, pelo menos uma vez no ano Karina embarca para a África e ministra cursos profissionalizantes para adolescentes e adultos em áreas de miséria no país. A premiada Beauty Hair explica de onde vem a necessidade de se exercer um projeto social.

 “Acredito que o futuro está nas nossas mãos, todos temos responsabilidades sociais de mudança. Fazendo a minha parte, passando a minha sabedoria para frente e deixando meu legado,  quem mais recebe sou eu. Essa troca é gratificante, todos crescemos em técnica, solidariedade e amor" disse.

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.