Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Samba Londrina traz para a cidade no dia 15 de novembro uma atração que vai por em contato os amantes da batucada daqui com os novos talentos do samba carioca. A atração é Lula Matos, compositor, cantor, percussionista e produtor cultural, criado no tradicional bairro da Lapa, no Rio de Janeiro, onde desde a infância frequenta as rodas de samba, assimilando delas o que um bom sambista precisa: respeitar e aprender a arte de tocar, compor e cantar sambas. É um artista que renova a tradição das boas composições e interpretações.

Lula Matos é integrante do grupo Galocantô, formado no final da década de 90 por músicos da cena do samba do bairro da Lapa. Já no primeiro CD, Fina Batucada, o Galocantô foi indicado ao Prêmio Tim na categoria melhor grupo de samba, em 2007. Este CD conta com participações de Beth Carvalho, Arlindo Cruz, Rildo Hora, Diogo Nogueira e da Velha Guarda do Império Serrano. Em 2009 o grupo gravou o especial “De Terreiro em Terreiro” para a TV Brasil, cantando sambas históricos, baseados no livro de Roberto Moura “No Princípio era a Roda”. Em 2010, o álbum do Galocantô, “Lirismo do Rio”, foi indicado ao Prémio da Música Brasileira, também na categoria melhor grupo de samba.

Agora também em carreira solo, Lula Matos está lançando o CD “Me faz brilhar”, em sua maior parte com composições próprias. Ao lado de outras jovens revelações, é um dos convidados de Eduardo Chaves, filho de Zeca Pagodinho, para o DVD "Samba Social Clube: Nova Geração", projeto que destaca os novos talentos do samba, que contribuíram com sua arte para a revitalização do bairro da Lapa, no centro do Rio de Janeiro. O DVD foi gravado no Beco do Rato, um dos atuais pontos de efervescência do gênero na Lapa.

Como instrumentista, Lula Matos já tocou com Arlindo Cruz, Luiz Carlos da Vila, Monarco da Portela, Nelson Sargento, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila, Beth Carvalho, Leci Brandão, Fundo de Quintal, Walter Alfaiate, Wilson Moreira, Diogo Nogueira e a Velha Guarda da Mangueira. Compondo, tem parceiros como Ivan Milanês, Adilson Bispo, Wanderley Monteiro, Carica e Renato da Rocinha.

Vindo do beco do Rato

Conhecer o samba de Lula Matos significa tomar contato com a pulsação cultural do Beco do Rato, espaço que fica num pedaço de rua cheio de história, no bairro da Lapa. Chiquinha Gonzaga, Manuel Bandeira, Noel Rosa, Sinhô e Portinari são algumas das figuras que andavam por ali no século passado. Mas o Beco do Rato está mesmo é projetando o futuro. Em 2005 renasceu ali um ponto de encontro cultural, com muito samba que segue a tradição de raiz e resistência e também cinema, poesia e choro, boa comida e boas bebidas. Lula Matos é um dos principais agitadores culturais responsáveis pela emergência atual do Beco do Rato. É dele a iniciativa das “Terças Desamplificadas”, onde os sambistas tocam e cantam na roda, sem recursos de microfones e amplificação de som nos instrumentos. As “Terças Desamplificadas” ganharam impulso desde o começo de 2014, reunindo no Beco do Rato os sambistas e uma multidão de pessoas que acompanham dançando e acompanhando o batuque na palma da mão.

No show que fará no Chaplin Music Bar, em Londrina, Lula Matos promete brindar o público com um pouco de tudo que está em sua trajetória: clássicos do samba, composições próprias que estarão em seu CD e composições do repertório do Grupo Galocantô. O acompanhamento de Lula Matos fica por conta dos músicos londrinenses do grupo Nova Opção e a noite do Samba Londrina no dia 15 contará, ainda, com a participação do grupo Para de Bobeira e do DJ Diogo Rodrigues.

O show de Lula Matos acontece dia 15/11 no Chaplin - Av. Maringá, 1655, com início previsto para 21:30. O Chaplin Music Bar abre as portas para o Samba Londrina a partir das 17 horas, com DJ e grupo local. Ingressos: R$ 15 (mulheres) e R$ 20 (homens). Contatos para reservas: Loana (43) 8444-8125 ou Mariana 8433-5928.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios