Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ser voluntário é viver novas realidades e sempre foi, parece até que o voluntariado esta sendo descoberto agora por muitos, pois com a pandemia, muitos alguns estão se voltando para o apoio a comunidade, pena não ser uma maioria, ou ser um grupo que possa servir de exemplo para a nação, aqui me permitam um desabafo, pois os nossos governantes em todas as escalas e nossos supostos observadores do cumprimento das leis o poder legislativo e judiciário, infelizmente não estão fazendo sua lição e não aprenderam nada com esta pandemia mundial, continuam usufruindo de seus salários integrais, mordomias nababescas e sem perder absolutamente nada, muito diferente do restante da sociedade, precisaram passar por mais crises para que possam aprender de fato. Me perdoem pelo desabafo, mas era necessário e me perdoem aqueles com cargos eletivos que estão agindo de forma diferenciada, pois sei que são poucos, mas existem.

Os voluntários insistem em ser bons exemplos, para a sociedade e principalmente para aqueles que os rodeiam, até por que suas ações são para um pequeno grupo e os que insistem em olhar o copo meio cheio dirão que são ações maravilhosas e que fazem a diferença na vida de muitos, os contrários dirão que ações pequenas não mudam o mundo, ficamos com o primeiro grupo que nos acalenta e nos faz multiplicar.

O trabalho voluntario faz do viver novas realidades um grande aprendizado diário, seja pela execução das atividades, ou pela preparação, pesquisa e busca de formas de fazer a ação acontecer, até por isso não se faz tão simples uma ação de voluntariado, por isso é necessário pessoas, como eu e muitos outros, que se dedicam ao estudo e a busca constante pelo aprimoramento da lida com o voluntario, do entendimento do ser humano que se propõe a sair de sua zona de conforto para buscar apoiar outros que tanto buscam estar próximos de uma zona de conforto. Voluntário unidos em busca de um mundo melhor.

Roberto Ravagnani é palestrante, jornalista (MTB 0084753/SP), radialista (DRT 22.201), conteudista e Consultor especialista em voluntariado e responsabilidade social empresarial. Voluntário palhaço hospitalar desde 2000, fundador da ONG Canto Cidadão, da IPA Brasil e da AFINCO, Associado para o voluntariado da GIA Consultores no Chile, fundador da Aliança Palhaços Pelo Mundo, Conselheiro Diretor da Rede Filantropia, sócio da empresa de consultoria Comunidea, criador e gestor de eventos filantrópicos, porta voz pela ONU, Membro Engage for business, Líder Internacional de Yoga do Riso e Conselheiro de Relações Sociais e Familiares do Instituto i. s. de desenvolvimento e sustentabilidade Humana. www.robertoravagnani.com.br

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios