Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Dez anos de história celebram a força da oralidade, das crenças e cultura africana ocidental; edição será 100% on-line e tem patrocínio do PROMIC

A partir da próxima segunda-feira (26), a 10ª edição do Encontro de Contadores de Histórias de Londrina (ECOH) divulgará sua programação completa. Os interessados em apreciar e participar das atividades poderão conferir todas as atrações no site do encontro (clique aqui) ou nas redes sociais do grupo, pelo Instagram, Facebook ou pelo Youtube.

O ECOH 2020 acontecerá de 31 de outubro a 30 de novembro, com programação totalmente on-line, seguindo as medidas de prevenção e combate ao novo Coronavírus. As apresentações e os vídeos serão gratuitos, transmitidos pelas plataformas do Zoom, Youtube, no site e redes sociais do ECOH. Já para integrar as oficinas é necessário se inscrever pelo site do encontro, a partir de segunda-feira (26).

Nesta edição, comemorativa aos 10 anos do encontro, será celebrada a força da oralidade, das tradições, crenças e valores de culturas africanas ocidentais. O objetivo é apresentar ao público várias histórias, em diferentes formatos, enriquecendo a cultura e o conhecimento sobre o tema. Para isso, haverá histórias para crianças, adultos, vídeos, lives, oficinas, cursos, vivências, palestras interativas e outros formatos.

Entre as figuras notórias, que marcarão presença, estão o ator e contador de histórias Fançois Moïse Bamba, que organiza anualmente o Festival Internacional dos Patrimônios Imateriais (Burkina Faso), e o ator, mestre em literatura brasileira, pela Universidade Federal de Santa Catarina, e pesquisador da oralidade, Toni Edson.

Programação

Com patrocínio da Prefeitura Municipal de Londrina, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura de Londrina (PROMIC), serão oferecidas atrações, como o espetáculo construído a partir de canções, interações, vivências e textos de tradição oral (trava-língua, adivinhas, desafios, tangolomangos, etc), que serão compartilhados com brinquedos na ação “Toada Crianceira: Cancioneiro Brincante da Infância”, do grupo baiano Canastra Real, no sábado, dia 31 de outubro, às 17 horas, pelo Youtube e Facebook do ECOH.

Quem quiser aprender mais sobre as “As sociedades de tradições orais da África do Oeste, educações e transmissões”, poderá participar do bate-papo com François Moïse Bamba (do Burkina Faso), com tradução do francês ao português, feita por Laura Tamiana. A conversa será na sexta-feira, dia 6 de novembro, às 19h30. O link para o acesso será divulgado em breve. A intenção de Moïse Bamba é levar o participante a uma viagem pelo rico patrimônio das sociedades de tradição oral da África, mostrando seus fundamentos, contos e musicais, além da conversa e troca de experiências com os presentes.

Oficinas

Nas sextas-feiras, dias 2, 9, 16, 23 e 30 de novembro, às 19h30, acontecerão encontros da Oficina “Narrativas Adormecidas”, com a pesquisadora Sandra Lessa, de São Paulo. Os encontros utilizarão a plataforma Zoom. Nas terças-feiras, dias 3 e 9 de novembro, a partir das 19h30, será realizada a oficina “História – Oráculo – Presente”, com Danielle Andrade. Ela é contadora de histórias, licenciada em Teatro com formação em Clown. Conta, canta, escreve, pesquisa e inventa histórias, trazendo um repertório de contos tradicionais de várias partes do mundo. A ação será pelo Zoom.

Nas quartas-feiras, dias 4, 11, 18 e 25 de novembro, das 10 horas às 11h30, Ana Luísa Lacombe, de São Paulo, fará a oficina o “Mergulho na História”. Já na quinta-feira, dia 5 de novembro, das 9h30 às 11 horas e novamente das 14 horas às 16 horas, Toni Edson compartilhará seu conhecimento na oficina “A tradição oral sob o viés da Cultura Mandinga / África Ocidental”. A ação será gratuita, pela plataforma Zoom. Para participar basta se inscrever com antecedência pelo http://bit.ly/. Essas e outras atrações estarão disponíveis para a população a partir da próxima semana.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios