Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

 O músico, jornalista e escritor Aldo Moraes acaba de ser eleito membro da Academia de Artes, Ciência e Letras do Brasil. O londrinense foi comunicado pelo Presidente da Acilbras, Armando Caaraura, que é maestro e escritor.

Vencedor de prêmios musicais na Europa, Brasil e América Latina; Aldo Moraes tem 7 livros lançados e poemas espalhados por dezenas de coletâneas literárias. Seu poema “Lágrima de mulher” foi premiado em 10 concursos no Brasil, Portugal e Estados Unidos.

Nos dois últimos anos, foi convidado do Festival Literário Londrix; Festival de Poesia de Lisboa; Encontro de poetas em Cuba; Festival Trasnve de poesias e Festival Literário de Santa Teresa e poemas no Sarau da Academia Infantil de Letras e Salão Internacional do Livro de Genebra 2020.

O artista criou o batuque na caixa em 1999 e foi secretário de cultura de Londrina. Em 2017, foi homenageado pelo Congresso Nacional por ter sido premiado no Culturas Populares (Ministério da Cultura) com nota máxima.

Moraes também é membro da Academia Independente de Letras, sediada em Pernambuco e tem contribuído com a regulamentação de politicas públicas para cultura no Paraná, Sergipe, São Paulo e na lei nacional Aldir Blanc.

 “ Agradeço à Enoque Cardoso (AIL); Tatiana Azevedo  e Armando Caaraura (Acilbras) aos amigos, meus mestres de música e letras e minha amada mãe Maria Helena que sempre me incentivou. Também sou grato ao ex-prefeito Barbosa Neto que me deu oportunidade de mostrar minha proposta de cultura ao me nomear secretário. E ao prefeito de Indiaroba, Adinaldo do Nascimento que faz uma gestão excepcional e que tem uma visão ampla sobre a cultura e o ser humano, foco de seu trabalho” Aldo Moraes

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.