Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os temas são os mais variados, mas todos interessantes a estudantes, profissionais e pesquisadores, e falam de jogos, do café, imagens, cinema e violência, entre outros. Todos os livros têm versão impressa e digital (e-book).

Editora da UEL (Eduel) está lançando 14 livros, em formato físico e digital, que apresentam estudos em Pedagogia, Artes, Direito, Linguística, História, Veterinária, Serviço Social, Química e Psicologia, mas raramente de maneira estanque: a regra é a interdisciplinaridade.

Os temas são os mais variados, mas todos interessantes a estudantes, profissionais e pesquisadores, e falam de jogos, do café, imagens, cinema e violência, entre outros. Todos os livros têm versão impressa e digital (e-book).

Para o diretor da Eduel, professor Luiz Carlos Migliozzi Ferreira de Mello (Departamento de Letras Vernáculas e Clássicas/CCH), todas são obras importantes em seus respectivos campos, com participação de autores reconhecidos no País.

“A maioria dos autores publicados são de outras instituições, e não raro de outros países”, afirma o professor. Ele diz ainda que embora os livros já estejam disponíveis para aquisição, via site, a ideia é fazer um lançamento presencial coletivo no ano que vem. “Sem data e local definidos, mas seguramente após o retorno das aulas presenciais, que será em 24 de janeiro”, acrescenta.

Migliozzi destaca também a publicação pela editora de obras clássicas e contemporâneas traduzidas. “Uma delas está nesta lista de 14 publicações, do francês François Jullien (1951-). Filósofo e sinólogo, ele tem mais de 20 obras traduzidas para cerca de 20 países. O escritor realista francês Émile Zola (1840-1902) é outro com vários livros publicados pela EDUEL, e mais autores vêm aí”, afirma o diretor da editora.

As obras, autores e respectivos acessos são:

Bob Wilson: por trás do olhar de um surdo e da voz-pensamento de um autista, de Lucas de Almeida Pinheiro.

Direitos Humanos Contra-Hegemônicos e o Caso da Clínica do Testemunho, de Mário Henrique Souza.

Discursos Interdisciplinares de Jogos, de Tamer Thabet.

Do ser ao viver: léxico euro-chinês do pensamento, de François Jullien. Tradução e organização de Maria Luiza Berwanger da Silva.

Esse é mais difícil por causa das palavras: Uma investigação psicolinguística acerca do papel da linguagem na resolução de problemas matemáticos de divisão, de Jessica Barcellos.

Excluídos do café: Planejamento urbano e conflitos sociais em Londrina nas décadas de 1950 e 1960, de Eder Cristiano de Souza.

Imagem: sons, de André Pelegrinelli e Barthon Favatto Suzano Junior (organizadores).

Manual de boas práticas em eutanásia de cães, de Paola Gisela Carvalho Santos e Carmen Esther Santos Grumadas.

Nos bastidores do cinema: a trajetória do papel às telas no filme Primo Basílio, de Eva Cristina Francisco.

O Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro: o conhecimento e o poder (1838-1945), de Ricardo Luiz de Souza.

O Juvenicídio Brasileiro: racismo, guerra às drogas e prisões, de Andréa Pires Rocha.

Propostas de atividades experimentais para o ensino de Química I, de Fabiele Cristiane Dias Broietti e Viviane Arrigo.

Psicologia: avaliação e intervenção analítico-comportamental, de Carlos Eduardo Costa, Silvia Regina de Souza, Verônica Bender Haydu (organizadores).

Publicidade marginal: funcionamento e efetividade argumentativa, de Antonio Lemes Guerra Junior.

AEN

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.