Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Paulo Vitor Poloni (voz) e Guilherme Araujo Villela (bandolin de 10 cordas e violão) são os integrantes do Duo Policarpo que se apresenta nesta terça-feira, dia 23, no Bar Brasiliano (Rua Espirito Santo, 655), pelo Festival By Night do 39º FIML. O show inicia às 22h e o couvert custa R$ 15,00 (preço cheio, não há meia).

O Duo lançou no final de junho o CD “Mistura Brasileira”, com grandes nomes da música popular brasileira. O CD é resultado de um projeto, que envolveu pesquisa de temas, da sonoridade e dos ritmos brasileiros em arranjos intimistas, que dialogam com as raízes da música brasileira. No repertório do CD e do show, clássicos do nosso cancioneiro, ao lado de compositores contemporâneos e canções autorais.

Os músicos

Paulo Vitor Poloni é cantor, ator, produtor, preparador vocal e arranjador. Graduado em Licenciatura em Música e Administração pela Universidade Estadual de Londrina, Pós-graduado em Arte Educação.

Atualmente integra três trabalhos artísticos: Trio Mambembe (Trio vocal com trabalho voltado para a obra de Chico Buarque de Holanda); Gafieira 43 (projeto de sambas e gafieiras dos anos 30, 40 e 50 e suas ramificações) e o Duo Policarpo (baseado nos principais compositores da MPB e composições próprias).

Guilherme Araujo Villela é professor na Escola de Música Canto da Lira de Violão, Viola, Cavaquinho e Bandolim (multi-instrumentista). Bandolinista e violonista dos grupos: Clube do Choro de Londrina, Duo Policarpo, Trio Mambembe e Gafieira 43. Cursando o 2°ano de Música pela Universidade Estadual de Londrina. Iniciou seus estudos em 2007, com o Maestro Edval Andrade. 

Estudou com importantes nomes da música brasileira instrumental, tais como: Luís Barcelos, Marcilio Lopes, Fábio Peron, André Siqueira, Fernando César, Rogério Caetano, Julião Boêmio, Samuca do Acordeom. Vencedor do prêmio JL “Nossa Gente” no ano de 2015 pelo Clube do Choro de Londrina, na categoria “Cultura”. Integrante do Clube do Choro de Londrina.

Participou do Festival de Música de Londrina entre os anos de 2012 a 2017; gravação do CD Nós nas Cordas (2012); apresentações no teatro Zaqueu de Melo como bandolinista e violonista entre os anos de 2013 a 2015 com o grupo Regional Vila Brasil.

O Festival Internacional de Música de Londrina tem a direção artística do pianista Marco Antonio de Almeida, direção pedagógica de Magali Kleber. Pres. da Assoc. de Amigos do FIML, Marcelo Camargo. Curadoria: André Siqueira, Janete El Haouli e José Marcello Casagrande. É uma realização da Secretaria de Estado da Cultura - Governo do Estado do Paraná // Secretaria Municipal da Cultura - Prefeitura do Município de Londrina-Promic // Casa de Cultura - Universidade Estadual de Londrina e Associação de Amigos do FIML.

Emilia  Miyazaki/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios