Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Público envelheceu e consome a música de uma maneira diferente

Formada pelos músicos Junior Carelli (teclados e vocal) e Fernando Quesada (violão e vocal), a banda ANIE está bombando no cenário do rock internacional e já fez turnês pelo Brasil, América Latina, América do Norte e Europa. A dupla analisa o momento vivido pelo rock e destaca que o público envelheceu e consome a música de uma maneira diferente.

"O público do rock não só não morreu como vive mais do que nunca. Tanto que quando você vê a classificação oficial do YouTube, o segundo gênero musical mais acessado é o rock, acima de muitos e muitos outros que são considerados mainstream. O que acontece é que o público do rock em si não é muito jovem. É um público que envelheceu e consome a música de uma maneira diferente, consome muito forte pela internet, na sua própria casa e só vai a mega shows. Não vai muito em shows naquele padrão de balada, que começa tarde e tem que deixar a família, o filho, a mulher, em casa para poder ir e voltar na madrugada. Tanto que nossos eventos mais lotados são os realizados às 19h ou à tarde. Isso é uma coisa que dependemos muito do contratante entender também, que o público que gosta do rock mudou. É um pouco mais velho, uma faixa etária de 25 para mais na grande maioria. Quando você acha um nicho de consumo dentro da internet, com venda de produtos e coisas assim, você consegue ver um bom desempenho financeiro e de carreira sem necessitar tanto dos pequenos shows. Lógico que quando o público se renovar, o que não está acontecendo hoje, a gente vai ter que se acostumar a entregar o nosso material de uma maneira diferente para esse público que tem costumes diferentes hoje. Que não sai mais de casa às 23h30, 0h, para consumir um show e voltar para casa solteiro. São pessoas que já têm família em casa, responsabilidades, trabalho e tudo mais, e não consegue mais sair dessa maneira. Enquanto não acontecer a renovação, precisamos apenas saber onde este público está", afirma Fernando Quesada.

"A música fora do mainstream é consumida hoje por nichos que se concentram mais na internet. O famoso movimento underground do rock já não é mais underground tanto no visual quanto no som. Porém o público continua sendo fiel pela filosofia de qualidade e estado da arte que o rock tem, tendo os melhores instrumentistas por exemplo. A nossa missão é fazer com que a grande mídia volte a perceber esse movimento e que de um nicho sejamos uma massa novamente, curtindo o estilo e seu movimento artístico", diz Junior Carelli.

Conheça a ANIE

Com violões de 12 cordas, piano e duas vozes, a ANIE aposta em um estilo 100% acústico e ao mesmo tempo tenso, com influências do rock alternativo além do próprio pop e baladas de rock. Como a dupla é considerada referência em seus instrumentos (considerados entre os top 5 do Brasil dentro do rock pelos principais meios de comunicação do estilo), a complexidade e bom gosto nos arranjos não poderiam nunca ficar de fora do projeto e das composições. Junior Carelli e Fernando Quesada fazem versões de diversas bandas, além de músicas originais.

O nome ANIE significa Acoustic Natural Intense Experience, mas também possui um sentido mais importante: "ANIE tem duplo sentido. Primeiro, em nossa última turnê na Europa, conhecemos uma figura na Espanha que fez pensarmos muito sobre a vida. Essa mulher se chama Anie. Ela era a primeira pessoa da fila em nosso show em Madri, na Espanha, e estava sentada desde às duas horas da tarde para um show às 11 da noite na frente do bar com um sorriso estampado no rosto. Não parecia uma pessoa com uma boa situação financeira. Exagerada na maquiagem e com roupas aparentemente velhas, olhou para nós e disse que estava muito feliz em simplesmente estar lá. Quando perguntamos se ela ia de pista no show, ela disse que não tinha ingresso. A partir daí a conversa foi longe. Ela contou que vive a vida baseada nas oportunidades que se abrem naturalmente para ela. Que se o destino fez ela chegar até a porta do show, talvez ela conseguiria entrar e viver mais aquele momento da vida cantando conforme a música a levasse. Era uma das pessoas mais esclarecedoras e apaixonadas pela vida que já conhecemos", conta Juninho Carelli.

Em menos de 6 meses de atividade a banda ANIE já lançou mais de 20 videoclipes. Confira no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCSk--fh5qO6Y0elYePK8UMg/videos

"Somos músicos desde pequenos e estudar música de verdade acaba usando muito os instrumentos corporais e movimentos mecânicos de todas partes do corpo. Daí a evolução para o instrumento especialista de cada um. A voz está sempre envolvida e acho que o maior desafio é a resistência vocal durante a tour para manter a pressão de estúdio. Então o estudo de voz dos dois acaba sendo por osmose do estudo de música.Sem falar que estamos cercados de vocalistas bons como o Thiago Bianchi, que sempre traz algo novo para melhorar nossa performance vocal", exalta Junior Carelli.

Muito bem recebida pelo próprio público do rock, pop e até do heavy metal, ANIE faz a sua verdade e tenta trazer o máximo de emoção com um som forte e leve ao mesmo tempo inteiramente acústico. O primeiro auto intitulado álbum da ANIE foi lançado e disponibilizado gratuitamente para download e em streaming.

Fabiano de Abreu/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios