Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Atividade está trazendo resultados práticos na vida dos participantes, como a produção de livro, peças e letras de rap

A Secretaria Municipal de Educação (SME) retoma, hoje (4), as oficinas Leitura e Escrita e Artes para o público atendido no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP). A atividade, realizada em parceira com a Assistência Social (SMAS) do município, esteve em recesso desde o dia 20 de dezembro de 2018.

A oficina de Leitura e Escrita, ministrada pela professora Geocélia Alves Ribeiro, iniciada há seis meses, com dois participantes, hoje atende 21 pessoas. Segundo a coordenadora da Educação de Jovens e Adultos da SME, Déborah Flora dos Santos, o ingresso na atividade é espontâneo e já trouxe diversos ganhos aos participantes. “Muitos voltaram a ter sonhos e a se reencontrar,
trazendo grande significado para eles”, ressaltou.

Já a oficina de Arte é realizada há três anos, com a participação de 15 pessoas em situação de rua. A ministrante é a professora Maria de Fátima Bernardo. “As aulas possibilitam que eles se expressem, coloquem seus sentimentos, melhorem a autoestima e confiança, resgata sonhos, e com isso eles voltam a ter objetivo e metas”, frisou.

Segundo Deborah, as atividades já estão trazendo resultados práticos na vida dos participantes. “A oficina de Leitura e Escrita despertou, por exemplo, o desejo de uma pessoa em escrever seu próprio livro, inclusive ela já começou a produzir as primeiras páginas. Há casos, também, de participantes que estão escrevendo pequenas peças e letras de rap. A oficina de Artes está servindo também como uma fonte de renda para alguns deles, que estão produzindo seu próprio material e comercializando”, disse.

Debora enfatizou que a vinculação da população em situação de rua com o ato de ler, de escrever, e com as artes, é fundamental para a retomada do desejo de estudar. “As oficinas estimulam, motivam, instigam o desejo neles de estudar. Oportuniza, ainda, o acesso a diferentes materiais e recursos, permitindo a manifestação de habilidades e sentimentos”, afirmou.

A atividade é realizada três vezes na semana, as segundas, quartas e quintas. A de Leitura e Escrita acontece no período vespertino, e a de Arte no matutino. As aulas são ministrada dentro do Centro POP, localizado na Rua Dib Libos, 25, esquina com avenida Celso Garcia Cid.

Dayane Albuquerque/NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios