Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Agentes culturais de Londrina formarão um acervo de conteúdos audiovisuais sobre a memória artístico-cultural da cidade

A Secretaria Municipal de Cultura divulgou a lista final de credenciados na categoria Pessoa Física, por meio do Edital 002/2020, que integra as seleções do programa Londrina: Cultura faz História. A iniciativa conta com recursos repassados pela Lei Aldir Blanc. A publicação foi feita na terça-feira (15), na edição nº 4.229 do Jornal Oficial do Município.

A relação definitiva mostra o quadro detalhado dos habilitados e credenciados nesse segmento, por ordem alfabética, bem como dos recursos não providos e descrição das inabilitações. As tabelas estão dispostas nos anexos I, II e III do edital.

De acordo com a diretora de Incentivo à Cultura da SMC, Sonia Regina Aparecido, são 191 pessoas contempladas pelo edital nesta categoria de proponentes. “Esta é a lista final para o segmento Pessoa Física e não cabe mais prazo para recurso ou revisões. Todos os que foram credenciados agora estão aptos, conforme as regras a serem seguidas, a receber o incentivo financeiro viabilizado por meio do programa Londrina: Cultura faz História, que permite repasse da Lei Aldir Blanc. O trabalho é todo voltado para beneficiar os agentes culturais de Londrina, abrangendo diferentes representações”, comentou.

O mesmo Edital 002/2020 ainda contempla duas outras categorias: Microempreendedor Individual (MEI) e Empresário Individual, que terão seus resultados finais divulgados, em breve, pela Secretaria Municipal de Cultura.

No endereço www.londrina.pr.gov.br/lei-aldir-blanc é possível ter acesso a todos os editais, anexos e informações relacionadas à implantação da Lei Aldir Blanc (Lei Federal nº 14.017/2020) e realização do programa Londrina: Cultura faz História.

A proposta da iniciativa é construir um acervo que busca mostrar a atuação, trajetória e participação dos agentes culturais em Londrina, por meio de conteúdos de registro em formato audiovisual.

Ao todo, o município de Londrina recebeu do governo federal o recurso de R$ 3,4 milhões para implementar ações relacionadas a esta lei federal. As quantidades previstas nos editais poderão ser alteradas diante de sobras ou disponibilidade de recurso advindos da Lei Aldir Blanc para o Município.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios