Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Evento, que será realizado no dia 11 de novembro, deve reunir cerca de 300 cantores de diversas cidades do Paraná

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, recebeu em seu gabinete na sexta-feira (19), membros da diretoria da Associação Cultural Nipo Brasileira Central Rubiácea de Londrina. Durante a visita, o prefeito foi convidado a prestigiar o 21º Paraná Natsumero Taikai – Festival de Karaokê. Esta edição, que deve contar com aproximadamente 300 cantores provenientes de diversas cidades do estado, será realizada em Londrina, no dia 11 de novembro, a partir das 8 horas.

Na ocasião, Marcelo agradeceu o convite para integrar a mesa de autoridades durante a abertura oficial do festival, e aproveitou a ocasião para ressaltar a importância da comunidade japonesa na formação de Londrina. “Como parte da celebração pelos 40 anos do convênio de coirmandade, firmado entre Londrina e Nishinomiya, em 2017 tive a oportunidade de visitar o Japão. Lá, pude observar os ricos valores que a cultura japonesa possui, e foi uma experiência fantástica conhecer esse incrível país. Os japoneses são um exemplo para todos nós”, ressaltou.

A diretora do departamento de Canto da Associação, e coordenadora do Festival de Karaokê, Hiseko Kubota Yoshiara, informou que o evento acontece anualmente, em diversas cidades do Paraná. “Nossa expectativa é que cerca de 600 pessoas participem, prestigiando os cantores. O concurso terá apresentações musicais com pessoas de todas as idades, desde crianças a idosos. A previsão é que sejam doze horas de apresentações, e toda a comunidade de Londrina e região é convidada a comparecer”, afirmou.

Hiseko será uma das cantoras a se apresentar no Festival, e explicou a origem da palavra karaokê, de origem japonesa. “Kara significa vazio, e okesutora, orquestra. Assim, karaokê quer dizer orquestra vazia de melodia, sem o cantor. E ele coloca sua voz, preenchendo esse vazio. Desde que nossos antepassados vieram do Japão para o Brasil, eles utilizam a música para matar as saudades do país, cantando sobre sua terra natal. Essa foi a maneira que eles encontraram quando chegaram aqui, sem conhecer a língua, numa sociedade tão diferente, para preservar sua cultura, suas memórias, e superar essa distância”, contou.

A entrada para o 21º Paraná Natsumero Taikai é gratuita, e o evento irá ocorrer na sede da associação, na Avenida Brasília, 9.700, próximo ao CEASA. O festival é promovido pela Aliança Cultural Brasil – Japão.

Juliana Gonçalves/NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios