Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Depois da "Toque Grave Demo" e do projeto "663", “La LaLa Pop” reúne 11 faixas e ganha o público pela acessibilidade do som

Na sexta-feira, 12, a banda londrinense Valeries sai a público com o seu novo álbum. “La LaLa Pop” é primordialmente um disco de rock, e destaca duas preocupações centrais: explorar os sentidos de uma sonoridade pop e os limites e possibilidades da tecnologia.

O disco foi gravado entre 2018 e 2019 pelo engenheiro de som Marvin Portello. Marvin também produziu trabalhos de bandas como Matina, Asco e O Hipertrópico, e foi escolhido pelo Valeries, além de por sua competência, pela intimidade e disponibilidade de tempo. “O Marvin é primo do Pedro (baixo), é nosso amigo há bastante tempo e é um talentoso produtor musical. O que a gente queria era gravar o disco sem pressa, poder repetir os takes quantas vezes fosse necessário”, conta Guilherme Hoewell, guitarrista e vocalista da banda.

 “Como o Marvin não tem estúdio, nós pegamos alguns equipamentos emprestados e alugamos um estúdio de ensaio aqui em Londrina para  gravar o baixo e a bateria simultaneamente. Depois, eu adicionei as guitarras e os vocais em casa mesmo. Nem computador inteiro a gente tinha, usamos o tempo todo um computador partido ao meio, só com a parte do teclado conectada na tela de uma TV”, relembra.

O trabalho, entretanto, passou por muito tratamento e explorou diversas tecnologias disponíveis no mundo do áudio. “A gente gravou de forma caseira, mas escolheu usar a tecnologia sem pudor, usou tecnologia para corrigir tudo, editou bastante. Porque entendemos que tudo isso fazia parte do conceito de criar um trabalho pop. Além de compensar a nossa falta de equipamentos, o orçamento baixo que a gente tinha pra investir”.

Conceitualmente, “La LaLa Pop” condensa esse intuito de produzir um pop acessível, aquele pop conhecido que sempre tem um “lalala” nos refrões. Mesmo contendo um pouco de ironia, o trabalho não diminui o papel da música pop. “A ideia era trazer um conteúdo que consideramos relevante, mas por meio dessa embalagem mais acessível. São músicas não pop disfarçadas de pop”.

Com letras cheias de metáfora e vocais rasgados misturados a falsetes, o trabalho acaba mesmo soando alto astral.

Na parte instrumental, as guitarras minimalistas, são completadas pelo baixo de Pedro Portello, que enriquece as canções tocando de maneira melódica e grooveada. Para finalizar a mistura, Gabriel Pelegrino apresenta uma bateria poderosa e dinâmica.

La LaLa Pop fica disponível nas plataformas a partir do dia 12 de junho. Para receber o material, o público pode acessar o perfil da banda no Spotify.

Valeries no spotify: http://abre.ai/lalalapop

Guilherme Hoewell/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios