Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ação acontece no Centro Cultural Sesi/AML (Rua Maestro Egídio Camargo do Amaral, 130 – Centro) com vários espetáculos teatrais

O Sesi Cultura em Londrina promove dias 4 e 6 de setembro a Semana de Artes Cênicas, trazendo espetáculos teatrais para estimular o público a apreciar a arte teatral. A ação, além de trazer novidades ao espectador do mercado nacional e local, também estimula as companhias

Quatro exilados de uma sociedade são os personagens desse espetáculo. Aprisionados, se divertem matando o tempo ao tentarem reproduzir o mundo lá fora, mesmo sob a ameaça de nunca mais verem o Sol. A luz se nega a surgir no horizonte. Nesse ambiente, as crônicas ganham vida. O espetáculo inaugura a Semana de Artes Cênicas, que acontece no Centro Cultural Sesi/AML.

A narrativa mergulha os atores em um jogo teatral, construindo dialeticamente uma fábula contemporânea. É um trabalho que surge a partir do projeto “Matéi Visniec”, um processo de pesquisa na obra do dramaturgo franco-romeno com a Multifoco Companhia de Teatro. “Crônicas para uma cidade ou um amanhecer abortado” é um jogo de atores, um espaço nu potencializando as relações, criando imagens líricas pelas palavras e pelos recursos manipulados pelo elenco.

Valor: gratuito (retirar ingresso com 30 min de antecedência) - 1kg de alimento ou pacote de fralda geriátrica. Essas fraldas serão entregues para o Lar das Vovozinhas, que receberão também um concerto da Orquestra Acadêmica Bravi.

Oficina Mímesis Corpórea

A Semana de Artes Cênicas também irá promover uma oficina ministrada pela atriz e pesquisadora Raquel Scotti Hirson, no dia 4 de setembro, para os alunos do Dramatika. A Mímesis Corpórea é uma metodologia de criação de ações físicas e vocais - desenvolvida pelo LUME Teatro - que busca a poetização e teatralização dos encontros afetivos entre um atuador-observador e corpos/matérias/imagens.

O pressuposto da Mímesis Corpórea é que esse encontro potencialize a transformação e recriação do corpo singular daquele que atua-observa. O curso busca introduzir o atuador no universo dessa observação artística e poética, por meio de trabalhos que o instrumentalizem no "como" e "o que" observar e, posteriormente, na codificação do material, transformando-o em seu repertório expressivo e poético de trabalho.

Encontro-demonstração “Quando os subtextos são textos” (Semana de Artes Cênicas)

 “Quando os textos são subtextos” é um encontro-demonstração para compartilhar alguns segredos. A atriz do grupo Lume, Raquel Scotti Hirson, mostra como criou duas das cenas de seu solo “Alphonsus” (2013), combinando memória e mímesis corpórea.

As memórias são de gerações que a conectam ao seu bisavô, o poeta simbolista mineiro Alphonsus de Guimaraens, morto 50 anos antes do nascimento da bisneta que, no desejo de atuar suas poesias, ramificou a mímesis corpórea, chamando-a mímesis da palavra. As palavras se transformam em movimento, os textos adquirem forma e podem ser dançados em microssensações.

Asimp/Sesi/AML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios