Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Levantamento da ACIL aponta queda de 9,67% no número de inadimplentes que ingressaram no cadastro de restrição de crédito em julho na comparação com o mesmo mês do ano passado. “Este percentual é mais significativo quando acompanhado de uma elevação no nível de confiança do consumidor, como se tem observado nos últimos dois meses”, avalia Marcos Rambalducci, consultor da ACIL. Com o último resultado mensal, a queda acumulada nos sete primeiros meses do ano alcança agora 17,1%.

Por outro lado, a porta de saída do cadastro de restrição continuou com queda no movimento, a quinta consecutiva. Em julho, a retração foi de 17%, a segunda maior de 2016 (em maio a redução foi de 17,1%). “O resultado revela a degradação da renda do trabalhador e uma das consequências das altas taxas de desemprego verificadas ao longo do ano”, analisa Rambalducci. No acumulado de janeiro a julho, o volume de exclusões do cadastro caiu 5,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Asimp/ACIL

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.