Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O salário mínimo regional do Paraná vai variar de R$ 1.306,80 a R$ 1.509,20. As novas faixas entram em vigor a partir do próximo dia 1º de fevereiro, quando será assinado o decreto que formaliza o reajuste. Os novos valores foram anunciados ontem (25/01) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, em conjunto com o secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

O Paraná, destacou Ratinho Junior, tem um dos maiores salários mínimos regionais do país. “O reajuste do piso é o compromisso do nosso governo em valorizar os trabalhadores”, afirmou. “Com o reajuste, aumenta o poder aquisitivo dos trabalhadores abrangidos por essa lei. Isso se reflete no movimento do comércio e nos serviços”, enfatizou o governador.

“O mínimo regional, que já entra na folha de fevereiro, é uma referência para a negociação das categorias sindicalizadas e uma garantia para as categorias que não têm sindicato”, afirmou o secretário Ney Leprevost. “Vamos trabalhar junto com o conselho em prol da classe trabalhadora, fazendo com que a geração de empregos no Paraná continue em alta”, disse ele.

O reajuste de 4,71% foi referendado nesta semana por um conselho tripartite, que tem a participação de representantes do poder público, de empregados e empregadores. O valor estabelecido fica acima do mínimo nacional, que é de R$ 998,00.

Na categoria dos trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca, o piso sobe para R$ 1.306, 80. Para o segundo grupo, no setor de serviços administrativos, serviços gerais, de reparação e manutenção e vendedores do comércio em lojas e mercados, o piso chega a R$ 1.355,20. Esta categoria engloba também a classe de trabalhadores domésticos.

Empregados na produção de bens e serviços industriais terão piso de R$ 1.403,60. Para o quarto grupo, na categoria de técnicos de nível médio, o piso passa para R$ 1.509,20.

Histórico

O salário mínimo regional no Paraná foi implantado em 1º de maio de 2006. Desde 2017, a data-base vem sendo reajustada pelo mesmo percentual aplicado para o salário mínimo nacional e também antecipada em um mês por ano para que, em 2020, venha a coincidir com a data-base nacional – ou seja, 1º de janeiro.

Confira a evolução do piso salarial no Paraná desde a sua implantação:

2006 - R$ 427,00 a R$ 437,80

2007 R$ 462,00 a R$ 475,20

2008 R$ 527,00 a R$ 547,80

2009 R$ 605,52 a R$ 629,65

2010 R$ 663,00 a R$ 765,00

2011 R$ 708,14 a R$ 817,78

2012 R$ 783,20 a 904,20

2013 R$ 882,59 a R$ 1.018,94

2014 R$ 948,20 a R$ 1.095,60

2015 R$1.032,02 a R$ 1.192,45

2016 R$ 1.148,40 a 1.326,60

2017 R$ 1.223,20 a R$ 1.414,60

2018 R$ 1.247,40 a R$ 1.441

2019 R$ 1.306,80 a R$ 1.509,2

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.