Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A produção de petróleo no Brasil, em novembro, totalizou 2,595 milhões de barris por dia. O resultado, segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), representa uma queda de 1,2% em relação com o mês anterior e de 0,5% em relação ao mesmo mês de 2016.

Houve queda também na produção de gás natural. O total de 113 milhões de metros cúbicos por dia, significou redução de 1% em comparação a outubro e alta de 2,1%, se comparado a novembro do ano anterior.

A produção total de petróleo e gás natural no país foi de aproximadamente 3,308 milhões de barris de óleo equivalente por dia, que é a unidade padrão de medida correspondente à energia liberada pela queima de um barril de petróleo bruto.

Pré-sal

Já no pré-sal, foi registrada, na mesma comparação, alta de 1,5% na produção de novembro, que ficou em 1,652 milhão de barris de óleo equivalente por dia. O volume de 1,327 milhão de barris de petróleo por dia e 52 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, em 83 poços representou 49,9% do total produzido no Brasil.

Campos produtores

O maior produtor de petróleo e gás natural foi o Campo de Lula, na Bacia de Santos, que alcançou, em média, 840 mil barris de petróleo por dia e 35,5 milhões de metros cúbicos de gás natural. Os campos marítimos foram responsáveis por 95,3% do petróleo e 79,4% do gás natural.

AGB

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.