Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Alta taxa de ausência e pouca preparação para o exame refletem o baixo número de certificação

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja Nacional) será aplicado no próximo dia 5 de agosto para cerca de 1,7 milhão de pessoas em todo o Brasil. O Encceja é uma prova para estudantes jovens e adultos que não concluíram a educação básica na idade regular.

Na última edição da prova, em 2017, apesar de o número de candidatos em busca da certificação do Ensino Médio ter aumentado, apenas 20% conseguiram a nota mínima em todas as áreas de conhecimento da prova. De acordo com os resultados do ano de 2017 divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), a taxa de ausência na prova foi de mais de 50%, dos quase 500 mil candidatos que realizaram as quatro provas que compõem o exame, pouco mais de 100 mil pessoas conseguiram a nota mínima para obter a certificação do Ensino Médio.

A coordenadora do curso de Educação para Jovens e Adultos do Centro Integrado de Educação Básica para Jovens e Adultos Uninter, Maria Tereza Cordeiro, avalia que a falta de tempo para preparação é o principal obstáculo dos candidatos. “Jovens e adultos desperiodizados acabam tentando a sorte sem terem o conhecimento básico para atingirem a nota mínima pela dificuldade de encontrarem tempo em meio as obrigações diárias. ”

Este é o segundo ano em que o Encceja é aplicado para a certificação do Ensino Médio no lugar do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). “Para os candidatos que não obtiverem a conclusão do ensino médio, é possível aproveitar o resultado parcial das disciplinas concluídas e cursar especificamente as necessárias para terminar os estudos. ”, explica Maria Tereza.

A preparação à distância pode ser uma maneira de conseguir administrar a rotina de estudos dos jovens e adultos que estão à procura desta certificação. Na Uninter, uma nova turma da Educação de Jovens e Adultos (EJA) a distância inicia em outubro. É possível solicitar aproveitamento de estudos caso o aluno já tenha concluído algumas disciplinas.

Asimp/Grupo Uninter

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios